MENU

Henrique não escolhe adversário, caso Cruzeiro siga na Libertadores

Henrique não escolhe adversário, caso Cruzeiro siga na Libertadores

Atualizado: Terça-feira, 3 Maio de 2011 as 11:09

Henrique não pensa, ainda, no jogo com o Atlético-MG (Foto: Washington Alves / Vipcomm)

  Caso o Cruzeiro se classifique para as quartas de final da Taça Libertadores, o volante Henrique não tem preferência por enfrentar América do México ou Santos, na próxima fase da competição. Além do torneio continental, o time disputará as finais do Campeonato Mineiro, contra o arquirrival Atlético-MG.

Para a classificação na Libertadores, o Cruzeiro pode perder por um a zero para o Once Caldas, quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), na Arena do Jacaré, que estará nas quartas de final. Para Henrique, qualquer oponente será complicado.

- Independentemente de qual equipe vamos enfrentar, se passarmos, time que quer ser campeão não escolhe adversário. Tem o desgaste da viagem, mas enfrentar brasileiro é sempre complicado, tem a final ainda, que é um desgaste enorme, por ser clássico e final. Trabalhamos para chegar este momento, então temos que estar preparados para qualquer situação que ocorra.

O time se prepara para encarar o Once Caldas, na quarta-feira, pela competição continental, e o Galo, pela decisão do estadual, no próximo domingo. O desgaste pela sequência de jogos já começa a afetar o grupo celeste. O atacante Thiago Ribeiro sentiu o peso de disputar duas competições paralelas e deixou o time por conta de contusão.

Mas, apesar das dificuldades e do afunilamento dos dois campeonatos, Henrique mostra que essa é a fase de que os jogadores mais esperam.

- A gente tem que redobrar os trabalhos. Lutamos para chegar neste momento, final do mineiro, oitavas da Libertadores. Temos que redobrar o que vínhamos fazendo para estarmos preparados para fazermos o melhor.

Primeiro, o Once Caldas

Segundo Henrique, o Galo, adversário na decisão do Campeonato Mineiro, tem que ser analisado depois. O foco inicial tem que ser voltado para o Once Caldas.

- Temos que separar, são jogos importantes, decisivos. É uma final de Campeonato Mineiro contra o maior rival. Temos que saber separar as coisas para que isso não nos atrapalhe diante de algum adversário.        

veja também