MENU

Honda e Mclaren retomam parceria e anunciam parceria até 2015

Honda e Mclaren retomam parceria e anunciam parceria até 2015

Atualizado: Quinta-feira, 16 Maio de 2013 as 8:07

 

anúncio honda
Após um hiato de cinco anos, a Honda decidiu retornar à F1. A partir de 2015, a montadora japonesa fornecerá motores para a McLaren, equipe com qual conquistou oito títulos mundiais – quatro de pilotos e quatro de construtores – entre 1988 e 1991. O anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira.
 
Desde o ano passado, a Honda projetava um retorno à F1 e conversava com Woking sobre a reedição da histórica parceria. A montadora japonesa inclusive já progrediu de forma significativa no desenvolvimento do novo motor turbo V6 em seu departamento de pesquisa em Tochigi, no Japão. Também a partir de 2015, a McLaren será renomeada como McLaren-Honda.
 
“Juntos, Honda e McLaren formam um grande legado. Formamos uma parceria única e bem-sucedida que tomou e venceu o mundo. Juntos, criamos alguns dos maiores, mais emblemáticos momentos da F1 de todos os tempos que ainda estão sendo falados hoje em todo o planeta”, disse o chefe da McLaren, Martin Whitmarsh.
 
“McLaren e Honda estão prestes a embarcar numa nova e extremamente emocionante aventura juntos, por isso, em nome de todos na McLaren e dos que amam F1, temos o prazer de receber a Honda de volta ao esporte”, acrescentou.
 
Whitmarsh reconheceu que o sucesso da McLaren-Honda nos anos 80 e 90, em especial com Ayrton Senna – que venceu três campeonatos em 1988, 1990 e 1991 –, deve criar uma enorme expectativa nos torcedores. Por isso, crê que a montadora japonesa era a parceira ideal para garantir o sucesso do time no futuro.
 
“Para todos que trabalham na empresa, nossos feitos passados pesam nos ombros. É uma parceria que é sinônimo de sucesso. Durante os anos 80 e 90, McLaren e Honda venceram 44 GPs e oito títulos mundiais”, destacou o dirigente.
 
“Em 1988, criamos o mais bem-sucedido carro de F1 de todos os tempos, o MP4/4, que venceu 15 dos 16 GPs [em que correu] com Ayrton Senna e Alain Prost. A Honda tem uma experiência incomparável como fabricante de propulsores turbo, tornando-se a fornecedora perfeita para a McLaren. De olho no futuro, Honda e McLaren estão totalmente empenhadas em manter esse legado e serem bem-sucedidas novamente.”
 
Para os fãs de F1 no Brasil, o retorno da parceria McLaren-Honda também significa a reedição de uma marca clássica. Com esta configuração, Ayrton Senna conquistou 27 de suas 41 vitórias no esporte.
 

veja também