MENU

Hugo lamenta falta de malandragem diante de 'carrasco de brasileiros'

Hugo lamenta falta de malandragem diante de 'carrasco de brasileiros'

Atualizado: Segunda-feira, 27 Junho de 2011 as 9:32

A 40 segundos do fim da luta, Hugo Pessanha encaixou pela primeira vez sua pegada no cubano Asley Gonzalez. O brasileiro, no entanto, não soube o que fazer. O judoca, que caiu diante do rival na final da categoria até 90kg, admitiu que teve a virada da luta nas mãos, mas que a deixou escapar.

Hugo Pessanha final Copa do Mundo (Foto: João Gabriel Rodrigues / GLOBOESPORTE.COM)

  - Faltou malandragem. Quando encaixei a pegada, fiquei pensando o que fazer. Se não consegui derrubá-lo durante quatro minutos, vou conseguir em 40s? Tentei o estrangulamento. Até consegui por um tempo, mas ele escapou. Se eu tivesse sido mais malandro...

O rival já é bastante conhecido dos judocas brasileiros. No Grand Slam do Rio, na semana passada, Gonzalez derrotou Tiago Camilo na semifinal. Agora, venceu Hugo para tirar o ouro do judoca da casa em São Paulo. O medalha de prata, no entanto, diz que a vantagem ainda é sua.

-É um carrasco de brasileiros, né? Mas acho que está 4 a 2 para mim. No ano passado, nos enfrentamos três vezes. Perdi uma e venci duas. Esse ano, eu já o venci uma vez e perdi agora.

Hugo, que ficou oito meses afastado dos tatames por uma lesão no joelho direito, disse que seu maior problema hoje não é ritmo. Para ele, é hora de consertar seus erros para não ficar para trás na briga por uma vaga nas Olimpíadas de Londres, no ano que vem.

- Eu preciso corrigir os erros que cometi. Eu estou com ritmo de luta, mas faltou malandragem mesmo. Eu tenho que botar na cabeça que não posso esperar voltar a ser como era no ano passado, antes da lesão. O tempo está passando e eu tenho menos de um ano para conseguir uma vaga nas Olimpíadas.            

veja também