MENU

Idade vira aliada de Elano em 'primeira' final de Libertadores

Idade vira aliada de Elano em 'primeira' final de Libertadores

Atualizado: Sexta-feira, 17 Junho de 2011 as 9:55

Elano: experiência a favor dos Meninos da Vila

(Foto: Adilson Barros / Globoesporte.com)

  Com o Santos de Neymar e companhia, Elano vive um momento diferente nesta edição da Taça Libertadores. Embora tenha participado da campanha de 2003, quando a trupe comandada por Robinho e Diego caiu diante do Boca Juniors na final (2 a 0, na Bombonera, e 2 a 1, no Morumbi) - ele não disputou as decisões por estar lesionado – ele reconhece que a sensação é diferente agora, diante do Peñarol.

Oito anos depois, Elano já não é mais um menino. Aos 30 anos, ele é um dos mais experientes do grupo santista e coleciona passagens pelo futebol europeu, além de ter estado na Seleção Brasileira durante a Copa de 2010. Mas estar nas finais com o Peñarol, pela Libertadores, é um debute com quase uma década de atraso.

- É uma novidade, uma situação que não tinha enfrentado em 2003 e que sabia que seria difícil pelo adversário que o Peñarol é. Acho que a idade ajuda um pouco neste sentido. É claro que ainda sinto um frio na barriga, mas é diferente, não é como antes. Hoje acho que estou mais bem preparado para a situação – disse Elano, antes de embarcar para o Brasil, ao Globoesporte.com.     O Santos não fez uma das suas melhores partidas no Centenário, no 0 a 0 com o Peñarol, apesar de ter sido um time seguro nos momentos em que mais foi exigido. No geral, porém, Elano acredita que o empate foi um bom resultado para os santista. Agora, no confronto de quarta-feira, no Morumbi, Elano, ao lado de Edu Dracena, terá a missão de ajudar o técnico Muricy Ramalho a conter a empolgação dos mais jovens. Mais experimentado, ele fica feliz com a incumbência do treinador, que o aponta como um dos seus homens de confiança no elenco.

- Procuro contribuir e ajudar nas coisas de uma forma positiva. Fico feliz que o Muricy tenha dito isso, principalmente pela pessoa que é.            

veja também