MENU

Ilsinho diz que gol traz confiança para brigar pela vaga de titular no Tricolor

Ilsinho diz que gol traz confiança para brigar pela vaga de titular no Tricolor

Atualizado: Quinta-feira, 7 Abril de 2011 as 3:05

Contratado em junho do ano passado, Ilsinho pouco tinha feito com a camisa 77 do São Paulo até a partida da última quarta-feira, contra o Santa Cruz, realizada na Arena Barueri. O polivalente entrou no segundo tempo na vaga do volante Casemiro e, além de ser um dos destaques da equipe com dribles curtos e muita movimentação, marcou o gol que garantiu a classificação do São Paulo às oitavas de final da Copa do Brasil. O jogador espera que o tento salvador seja o início de uma nova fase, principalmente porque o contrato de empréstimo terminará em dois meses e ele não esconde de ninguém que quer continuar no Morumbi por mais tempo.     - Acredito que vinha jogando bem mas, sem dúvida nenhuma, esse gol traz confiança e tranquilidade. Eu estava devendo esse gol para a minha filha. Posso dizer que foi um dos meus melhores jogos pelo São Paulo. Não gosto de dizer que foi o melhor porque acredito que o melhor ainda está por vir - afirmou.

Revelado no Palmeiras, Ilsinho ganhou destaque no São Paulo em 2007, quando atuou como ala no esquema do então técnico Muricy Ramalho. O jogador foi negociado com o Shakhtar Donestk (UCR) e, na Ucrânia, passou a jogar como meia, posição em que foi utilizado na partida desta quarta-feira. Ele não esconde que gosta de jogar do meio para a frente, mas deixou claro: se for necessário, ele topa o sacrifício de atuar na defesa.     - O elenco do São Paulo é muito competitivo e sei que é muito difícil conseguir uma vaga de titular. O Paulo [César Carpegiani, treinador] já disse que vai escalar sempre a melhor equipe possível. O segredo é continuar trabalhando forte – ressaltou.

Ilsinho poderá ganhar agora a sequência que tanto espera no São Paulo. Isso porque o meia Lucas está suspenso das duas próximas partidas da equipe em 2011, contra o Noroeste (domingo), pelo Campeonato Paulista, e contra o Goiás, pela Copa do Brasil, que ainda terá data e locais anunciados pela CBF. E, sempre que o camisa 7 não esteve em campo, o 77 sempre foi a primeira opção.

- Eu sempre disse que estou disposto a ajudar, seja na lateral, na meia ou na ala.      

veja também