MENU

Inter goleia o Santo André e termina o Brasileirão como vice

Inter goleia o Santo André e termina o Brasileirão como vice

Atualizado: Domingo, 6 Dezembro de 2009 as 12

Faltou pouco para chegar ao título, mas o Internacional terminou a temporada goleando o Santo André por 4 a 1, sagrando-se vice-campeão do Campeonato Brasileiro. Dependendo de um tropeço do Flamengo, o clube não chegou à liderança, mas o retorno à Libertadores e a grande atuação foram suficientes para garantir a festa no Beira-Rio.

Os gols de Alecsandro, Índio, Andrezinho e Giuliano deixaram o time com 65 pontos, dois atrás do primeiro colocado, e até a metade do segundo tempo chegou perto da taça, quando o rubro-negro carioca (que ganhou por 2 a 1) ainda não tinha virado sobre o Grêmio no Maracanã.

Principais lances do jogo 

Primeiro Tempo  

21min - GOOOLLL DO INTER!!!

Kléber cruza da esquerda e Alecsandro, no meio da área, cabeceia para baixo e desloca o goleiro.

23min - D'Ale toca para Kléber, que domina na pequena área e chuta por cima.

33min - GOOOLLL DO INTER!!!

Andrezinho cobra escanteio no segundo pau, Taison escora e Índio completa de cabeça.

41min - Taison lança Alecsandro, que bate bem e Júlio César espalma.

SEGUNDO TEMPO

22min - GOOOLLL DO INTER!!!

Andrezinho cobra falta e acerta o ângulo direito.

22min - GOOOLLL DO INTER!!!

Andrezinho cobra falta e acerta o ângulo direito.

37min - GOOOLLL DO INTER!!!

Taison cruza na medida para Giuliano desviar de cabeça.

40min - GOOLL DO SANTO ANDRÉ!!!

Talles Cunha derruba Fernando na área. Nunes cobra o pênalti no canto inferior direito e faz.

Já o Santo André confirmou o rebaixamento para a Série B. Permanecendo com 41 pontos, se despede da elite do futebol nacional na antepenúltima colocação.

Enquanto o Inter parecia nervoso nos primeiros minutos, o Santo André não perdia tempo e se jogava para o ataque, criando boas chegadas pela esquerda. Depois de se organizar, o time gaúcho passou a controlar a bola. Alecsandro chegou a balançar as redes aos 13min, mas o lance foi invalidado por impedimento.

Aos 20 a torcida colorada não poderia festejar mais no Beira-Rio. Primeiro soube que o Grêmio abrira o placar contra o Flamengo no Maracanã. Um minuto depois Kléber cruzou para Alecsandro cabecear e fazer 1 a 0 no Beira-Rio. Com a combinação, o Inter colocava a mão na taça.

O goleiro Neneca, do Santo André, não conseguiu permanecer em campo, devido a uma pancada e deu lugar a Júlio César. E num escanteio o Inter ampliou. Aos 33, Andrezinho cruzou da esquerda, Taison escorou de cabeça para o outro lado e Índio completou: 2 a 0, placar do primeiro tempo.

Cauteloso com o campeonato que temporariamente era conquistado, o artilheiro colorado pedia cautela no intervalo. "Ainda não ganhamos nada. Vamos voltar com a mesma atenção para tentar sair com o título".

Mesmo com a vantagem, o Colorado voltou para a segunda etapa mantendo a postura, buscando o gol nos contra-ataques em velocidade. E Andrezinho, destaque na bola parada durante toda a temporada, não decepcionou. Aos 22, ele cobrou falta certeiro no ângulo direito: 3 a 0. Giuliano ainda teve tempo para aumentar para 4 a 0 aos 37, de cabeça. Nunes, em cobrança de pênalti, ainda descontou aos 40, mas o resultado já estava definido.

Internacional 4 X 1 Santo André

Inter

Lauro; Danilo Silva, Índio, Bolívar e Kléber (Talles Cunha); Sandro, Andrezinho (Fabiano Eller), Giuliano e D´Alessandro; Taison e Alecsandro (Marquinhos)

Técnico: Mário Sérgio

Santo André

Neneca (Júlio César); Rômulo, Marcel, Vinícius e Arthur; Ricardo Conceição, Júnior Dutra, Camilo (Fernando) e Marcelinho Carioca (Rodriguinho); Wanderley e Nunes

Técnico: Sérgio Soares Data: 6/12/2009 (domingo)

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)

Auxiliares: Belmiro da Silva (BA) e Adson Márcio Leal (BA)

Cartões amarelos: Júnior Dutra, Vinicius (Santo André); Talles Cunha (Inter)

Gols: Alecsandro, aos 21min; Índio, aos 33min do primeiro tempo. Andrezinho, aos 22min; Giuliano, aos 37min; Nunes, aos 40min do segundo tempo.  

veja também