MENU

Joel completa um ano de Botafogo em partida contra o Madureira

Joel completa um ano de Botafogo em partida contra o Madureira

Atualizado: Quarta-feira, 26 Janeiro de 2011 as 8:57

O Botafogo terminou 2010 como campeão carioca e manteve essa condição nas duas primeiras rodadas da Taça Guanabara de 2011. Dono da melhor campanha do primeiro turno do Estadual – à frente de Fluminense e Flamengo no saldo de gols –, o Alvinegro volta a campo nesta quarta-feira para enfrentar o Madureira, no Engenhão, às 22h (de Brasília, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo B.

Depois de uma suada vitória por 2 a 1 sobre o Duque de Caxias, o Botafogo goleou por 5 a 0 o Cabofriense, fora de casa. O resultado garantiu ao time de Joel Santana a primeira colocação do Grupo B da Taça Guanabara, superando o Fluminense no saldo de gols. Já o Madureira precisa se recuperar, pois vem de duas derrotas na competição e ocupa a lanterna da chave, ao lado do Cabofriense.

A partida também tem como atrativo o aniversário de um ano de Joel Santana à frente do Botafogo. Em sua terceira passagem pelo clube, o treinador conquistou o título estadual do ano passado e tem como retrospecto 63 jogos, 33 vitórias, 20 empates e dez derrotas.

O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances dessa partida em Tempo Real, com vídeos exclusivos. A Rede Globo transmite ao vivo para os estados de RJ, ES, SE, AL, PB, RN, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR e AP, além do Distrito Federal e da cidade de Blumenau-SC. O PFC transmite ao vivo para todo o Brasil pelo sistema pay-per-view. Péricles Bassols apita a partida, auxiliado por Wagner de Almeida Santos e Jackson Lourenço Massarra dos Santos.

O que está em jogo

Botafogo: depois de duas vitórias consecutivas, o Botafogo busca manter os 100% de aproveitamento para seguir na liderança do Grupo B.  O objetivo é seguir com um bom saldo de gols para levar a melhor sobre o Fluminense nos critérios de desempate.

Madureira: a equipe vem de derrotas nas duas derrotas na Taça Guanabara. Ainda sem pontuar, precisa vencer o Botafogo para seguir sonhando com uma vaga na semifinal do primeiro turno do Carioca.

As escalações

Botafogo: o técnico Joel Santana ainda não poderá contar com o lateral-esquerdo Márcio Azevedo, que teve sua situação regularizada. Lucas e Somália não treinaram na última terça-feira por causa de dores musculares, mas jogam. Assim, a escalação deve ser a mesma que iniciou a partida contra o Cabofriense. O Botafogo deve atuar com a seguinte formação: Jefferson, João Filipe, Antônio Carlos e Márcio Rosário; Lucas, Marcelo Mattos, Bruno, Renato Cajá e Somália; Herrera e Loco Abreu.

Madureira: Antônio Carlos Roy não poderá contar com o experiente Marcelo Ramos, com dores na panturrilha direita. Na lateral esquerda, Da Costa ganhou a vaga de Nil, e Abedi dá lugar ao jovem Michel no meio-campo. O Madureira deve começar jogando com Cleber, Douglas Assis, Victor Silva e Edmílson; Valdir, Vinícius, Michel, Rodrigo e Da Costa;  Maciel e Adriano Magrão.

Fique de Olho

Botafogo: em seu primeiro jogo oficial pelo Botafogo, Márcio Azevedo promete ser uma boa opção ofensiva. O lateral foi um dos destaques da equipe no amistoso contra o Democrata, marcando um belo gol.

Madureira: um dos jogadores mais experientes do grupo, Maciel é uma aposta do Madureira para desarticular a defesa do Botafogo. O atacante, que foi campeão mundial pelo Porto, de Portugal, vai liderar o time em campo.

O que eles disseram

Joel Santana, técnico do Botafogo: "O Madureira tem o hábito de formar boas equipes no Carioca. Não começou bem, mas é uma competição de tiro curto, e pode não haver tempo de recuperação no caso de uma derrota. Espero que nossa equipe faça uma boa partida e siga na primeira colocação."

Antônio Carlos Roy, técnico do Madureira: "Não mudei na parte tática. Preferi mudar somente as peças para dar mais velocidade ao time. O Da Costa tem por característica ser muito veloz na lateral, e o Michel é um jovem de talento da base do Madureira. Se fizer no jogo o que apresentou nos treinos, o time terá muito a ganhar."

Números e Curiosidades

* O Botafogo tem ampla vantagem nos confrontos com o Madureira. Foram 117 jogos disputados, com 88 vitórias do Alvinegro, 20 empates e nove derrotas. O Botafogo marcou 310 gols e sofreu 110.

* Herrera volta a disputar uma partida oficial no Engenhão após quatro meses. A última vez foi no dia 22 de setembro do ano passado, quando marcou um dos gols do Botafogo no empate em 2 a 2 com o Vasco. O argentino é o segundo maior artilheiro do Alvinegro no estádio com 15 gols, nove a menos do que Lucio Flavio.

* A última vitória do Madureira sobre um dos quatro grandes do Rio foi exatamente sobre o Botafogo, quando fez 2 a 1 no Engenhão, pelo Carioca de 2008. Desde então, foram dez partidas disputadas contra Botafogo, Flamengo, Vasco e Fluminense, com sete derrotas e três empates.

veja também