MENU

Jogadores do América-MG falam do susto após assalto em Belo Horizonte

Jogadores do América-MG falam do susto após assalto em Belo Horizonte

Atualizado: Quinta-feira, 2 Dezembro de 2010 as 2:05

Depois do susto, a indignação. Os três jogadores do América-MG, Nando, Otávio e Bruno Maia, que foram vítimas do golpe conhecido como 'saidinha de banco', não escondem a indignição a respeito da ação 'rapida' dos bandidos. Na quarta-feira, os atletas deixaram uma agência bancária na Avenida Cristiano Machado e estavam chegando a um restaurante quando foram abordados. Os assaltantes, que estavam armados e em uma moto, levaram R$ 750 do volante Nando, R$ 50 do zagueiro Otávio e R$ 3000 do lateral-esquerdo Bruno Maia.

O roubo aconteceu na Rua Professor Magalhães Penido, no bairro Aeroporto, na região da Pampulha. Os jogadores acreditam que estavam sendo seguidos.

- Estamos tranquilos, apesar do susto. Não tem como não ficar chateado, principalmente porque levaram todo o dinheiro que o Bruno Maia havia retirado no banco. O BO (Boletim de Ocorrências) foi feito e esperamos que a polícia encontre os ladrões.

Bruno Maia, que está se recuperando de uma cirurgia no joelho, também não esconde a chateação com o ocorrido.

- Deixaram só minha identidade e meu celular, que estavam no bolso de trás. Além do dinheiro, levaram também título de eleitor, cartão de crédito e tudo mais que estava na carteira.

Outra ocorrência

Em outro assalto na tarde de quarta-feira, dois homens, em uma moto semelhante à usada no roubo dos jogadores do América-MG, foram levados cerca R$ 5.750 e a chave do carro. O roubo aconteceu na Avenida Antônio Abrahão Caram, também na região da Pampulha, em Belo Horizonte. As informações são da Polícia Militar (PM).

Ainda segundo a PM, há suspeita de que os dois criminosos que assaltaram na Avenida Antônio Abrahão Caram sejam os mesmos que agiram na Rua Professor Magalhães Penido.    

veja também