MENU

Jornal inglês diz que Schumacher vai receber R$ 56,8 milhões para correr na Mercedes em 2010

Jornal inglês diz que Schumacher vai receber R$ 56,8 milhões para correr na Mercedes em 2010

Atualizado: Segunda-feira, 14 Dezembro de 2009 as 12

O alemão Michael Schumacher já acertou sua volta à Fórmula 1, e vai receber R$ 56,8 milhões (20 milhões de libras) para disputar a temporada de 2010 pela Mercedes GP, de acordo com informações publicadas nesta segunda-feira (14) pelo jornal britânico Daily Mirror. Será o maior salário entre os 26 pilotos que correrão na categoria na próxima temporada.

Heptacampeão mundial, Schumacher vai ocupar na equipe o lugar deixado por Jenson Button, campeão em 2009 e que foi para a McLaren. Segundo o diário, que credita fontes na Alemanha e no Reino Unido, o acordo já está fechado e só falta a assinatura do piloto, que vai ganhar bem mais que os R$ 18 milhões que haviam sido citados pelo jornal alemão Bild na semana passada.

Schumacher completa 41 anos no dia 3 de janeiro e está fora da F-1 desde 2006. Se fechar mesmo sua volta à F-1 pela Mercedes, ele enfim trabalhará para a empresa que bancou sua estreia na categoria em 1991, na Jordan, a um custo equivalente a cerca de R$ 320 mil, em valores de hoje.

O alemão disputou apenas uma corrida pela Jordan, o GP da Bélgica, que abandonou ainda na primeira volta, com problemas no carro. Na prova seguinte, o GP da Itália, já correu pela Benetton, equipe na qual ganharia seus dois primeiros títulos, em 1994 e 1995.

No ano seguinte ele se transferiu para a Ferrari, onde ganharia outros cinco Mundiais, de 2000 a 2004, sempre trabalhando com Ross Brawn ? que era o dono da Brawn GP, que foi comprada pela Mercedes, e será o chefe da equipe de propriedade dos alemães.

Segundo o jornal, a contratação milionária de Schumacher, que terá como companheiro Nico Rosberg, é mais um sinal do desejo da Mercedes de se estabelecer como uma equipe alemã, com dois pilotos do país. E o heptacampeão já avisou à Ferrari, com quem manteve um acordo verbal para ser consultor depois de deixar as pistas.

veja também