MENU

Jovem Seleção de Judô brilha no Pan Sênior

Jovem Seleção de Judô brilha no Pan Sênior

Atualizado: Terça-feira, 13 Maio de 2008 as 12

Jovem Seleção de Judô brilha no Pan Sênior

Último evento qualificatório para os Jogos Olímpicos de Pequim teve a participação de 22 países em Miami. Brasil faturou 15 medalhas.

 

Mayra Aguiar, 16 anos. Victor Penalber, 17 anos. Érika Miranda, 20 anos. Eduardo Santos, 24 anos. Sem falar em Ketleyn Quadros, Guilherme Luna. Foi com uma forte e jovem seleção que o Brasil conquistou 15 medalhas no Campeonato Pan-Americano Sênior, em Miami. Foram sete ouros, seis pratas e dois bronzes. O último evento qualificatório para o ranking olímpico pan-americano reuniu 22 países, com os principais atletas do continente em ação ainda sonhando com uma vaga em Pequim.  O Brasil irá à China em 13 categorias, naquela que será a maior delegação do judô já classificada para os Jogos. Apenas o peso pesado feminino não conseguiu se ranquear para Pequim.

"Os resultados desses atletas vindos das categorias de base é uma bela recompensa a todo o investimento feito pela Confederação Brasileira de Judô. Eles estão se destacando já em 2008, mas, sem dúvida, terão um brilho ainda maior em 2012, 2016...", afirma o presidente da CBJ, Paulo Wanderley Teixeira.

Eduardo Santos, titular do peso médio pela primeira vez, substitui Carlos Honorato que foi a Atenas 2004 e Sydney 2000. Em uma categoria em que o Brasil é respeitado internacionalmente, Eduardo não decepcionou. Foi campeão e, de quebra, ainda faturou o Troféu Ippon e foi escolhido para a seleção do campeonato.

"Realmente foi uma semana inesquecível", diz, com um sorriso tímido.

Para a técnica da seleção brasileira, Rosicléia Campos, o sucesso dos jovens atletas do Brasil está longe de ser surpresa.

"Isso tudo é fruto do pensamento da CBJ em investir nas categorias de base", comenta Rosicléia.

"Esse pensamento de mesclar a equipe sênior com judocas mais jovens, seja em treinamentos ou em competições, é uma das tônicas de nosso trabalho. Isso visa a dar mais experiência a esses jovens e diminuir a diferença que antes era observada entre o titular da seleção brasileira e a geração seguinte", explica o coordenador técnico da CBJ, Ney Wilson.

As seleções masculina e feminina saem de Miami neste domingo (11) e, a partir de segunda-feira (12) estarão em São Paulo para treinamento (com França e Portugal) e avaliações médicas no Instituto Vita. No dia 20 a equipe olímpica embarca para a Super Copa do Mundo de Moscou, seguida de treinamento internacional até 6 de junho.

Medalhas do Brasil no Pan Sênior 2008:

 

Ouro: Victor Penalber (-73kg), Guilherme Luna (-81kg), Eduardo Santos (-90kg), Walter Santos (+100kg), Mayra Aguiar (-70kg), equipe feminina e equipe masculina. Prata: Walter Santos (absoluto masculino), Daniela Polzin (-48kg), Érika Miranda (-52kg), Danielli Yuri (-63kg), Edinanci Silva (-78kg) e Priscila Marques (absoluto feminino). Bronze: Leonardo Leite (-100kg) e Ketleyn Quadros (-57kg)

veja também