MENU

Juninho Pernambucano é o trunfo do Vasco para eliminar o Aurora

Juninho Pernambucano é o trunfo do Vasco para eliminar o Aurora

Atualizado: Quarta-feira, 26 Outubro de 2011 as 11:31

Assim como no jogo de ida, a cabeça do Vasco está voltada para o Campeonato Brasileiro. O clube é o líder em um momento em que faltam apenas sete rodadas para o fim. Mas o fato de jogar em casa sem ter de enfrentar uma maratona de aviões além dos 2.700 metros de altitude vai fazer com que o Vasco entre em campo na noite desta quarta-feira, às 19h10m (de Brasília) contra o Aurora com um time muito mais equilibrado para tentar reverter a vantagem obtida pelo Aurora, da Bolívia, no jogo de ida - os bolivianos venceram por 3 a 1.   Para conseguir a classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana, o Vasco precisa vencer por dois gols de diferença caso não sofra nenhum. Um novo 3 a 1 leva a disputa da vaga para os pênaltis. Se sofrer dois ou mais gols precisa vencer por três de diferença. Empate ou derrota dá a vaga ao Aurora.

Com promoção de ingressos para a torcida, o Vasco espera que o fator casa faça a diferença. Além disso, o time contará com o retorno de Juninho Pernambucano,. São esses os trunfos do técnico Cristóvão Borges para superar a retranca e a catimba que os bolivianos tentarão impor em São Januário. O paraguaio Julio Quintana Rodriguez apita a partida. Quem passar do duelo entre Vasco e Aurora enfrenta, nas quartas de final da Copa Sul-Americana, o Universitário-PER, que eliminou o Godoy Cruz-ARG nos

pênaltis

O SporTV transmite ao vivo a partida. O GLOBOESPORTE.COM, em Tempo Real e com vídeos exclusivos, acompanha todas as emoções do confronto.

Vasco: o técnico Cristóvão Borges manteve o mistério. Sem Dedé, Romulo, Felipe, Diego Souza e Eder Luis poupados, o comandante vai armar uma equipe mista que vai contar com o retorno de Juninho Pernambucano. A provável escalação é: Fernando Prass, Fagner, Douglas, Renato Silva e Julinho; Nilton, Allan, Fellipe Bastos e Juninho Pernambucano; Bernardo (Elton) e Alecsandro.

Aurora: o treinador Julio César Baldivieso deve mandar a campo a seguinte formação:

Lanz, Edward Zenteno, Peña e Mendez; Huallhuata, Segovia, Edson Zenteno, Robles e Sanjurjo; Reinoso.

Vasco: Dedé, Romulo, Felipe, Diego Souza e Eder Luis estão entre os principais jogadores poupados por Cristóvão Borges. Machucados, Eduardo Costa e Victor Ramos estão fora também.

Aurora: expulso no jogo de ida, o atacante paraguaio Aquilino Villalba é único desfalque do time boliviano.

Vasco: Juninho Pernambucano é sem dúvida a grande atração da noite. O Reizinho está fora do time desde a partida contra o Corinthians, quando sentiu uma lesão muscular na panturrilha esquerda. Ele voltaria a ser relacionado contra o Bahia, mas acabou sentido dores na outra panturrilha, a direita. Já completamente recuperado, ele espera readquirir o melhor ritmo de jogo para o restante do Brasileiro e ainda ajudar o Vasco a sair com a classificação.

Aurora: Reinoso é o homem de frente mais perigoso do time do Aurora. Foi dele um dos gols nos 3 a 1 do jogo de ida, na Bolívia.

Cristóvão Borges, técnico do Vasco: “O jogo vai ser muito complicado sem sombra de dúvidas. O Aurora tem um estilo de jogo muito característico. São poucas opções de jogada, mas eles as fazem muito bem. Temos de tentar neutralizá-los para conseguir impor nosso estilo e buscar essa classificação”.

Julio César Baldivieso, técnico do Aurora: "O Vasco é um time grande, muito difícil, mas temos que jogar como na Bolívia. É importante fazer um gol para termos tranquilidade. Times como Vasco, Corinthians, São Paulo, Flamengo, têm 25 jogadores de qualidade no grupo. Eles podem entrar com time misto que a dificuldade é a mesma ".

* O Vasco disputou sete partidas em casa na história da Copa Sul-americana. Nesses sete jogos como mandante, a equipe obteve cinco vitórias, um empate e uma derrota. Já o Aurora nunca venceu fora, tendo obtido um empate e uma derrota longe da Bolívia.

* Em apenas três dos 15 jogos que disputou na história da Sul-americana, o Vasco

obteve resultados que garantiriam a equipe na próxima fase da competição.

* Diante do Aurora, o Vasco defende uma invencibilidade de 12 jogos em São Januário (9V/3E), onde não perde desde o dia 29 de junho, quando foi derrotado pelo Cruzeiro por 3 a 0, pelo Brasileirão.

* Assim como o Vasco no Brasileirão, o Aurora lidera o Torneio Apertura 2011/2012, com 15 pontos em sete jogos disputados. Na última rodada, a equipe venceu o Nacional Potosí por 2 a 1, fora de casa.

Com apenas Fernando Prass e Fagner como titulares, o Vasco perdeu o jogo de ida das oitavas de final para o Aurora por 3 a 1, em Cochabamba, na Bolívia. Bernardo marcou o único gol dos vascaínos na altitude, ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, o time voltou desorganizado e permitiu a virada boliviana. Villalba, Andaveris e Reinoso fizeram os gols do time da casa. A partida ocorreu no último dia 5.        

veja também