MENU

Kaká pula de dividida com Maradona

Kaká pula de dividida com Maradona

Atualizado: Quarta-feira, 23 Junho de 2010 as 8:40

Kaká preferiu elogiar o belo gol marcado por Luis Fabiano, no domingo, na vitória da seleção brasileira por 3 a 1 sobre a Costa do Marfim, no Estádio Soccer City, em Joanesburgo, do que entrar em polêmica com Diego Maradona, técnico da Argentina. Na última segunda-feira, o Pibe classificou a jogada do Fabuloso e a validação do lance pelo árbitro francês Stephane Lannoy como "tragicômica".

Para o apoiador da seleção brasileira, o lance do gol de Luis Fabiano fala por si só.

- Eu prefiro lembrar do gol do Luis Fabiano. Um lance tão bonito que não vale comentar a mão. Vindo do Maradona, que já fez um gol de mão, é engraçado comentar - afirmou Kaká.

Em sua entrevista, Maradona afirmou que o sorriso do árbitro no lance do gol do Brasil foi bem diferente da reação do juiz na vitória da Argentina por 2 a 1 sobre a Inglaterra, nas quartas de final da Copa do Mundo de 1986. Naquela ocasião, o Pibe marcou um gol de placa e outro com mão, batizado pelos hermanos de "A mão de Deus".

- O dele foi com o braço (risos). O tragicômico foi o que aconteceu depois. Contra a Inglaterra, não vi o árbitro rindo. Ele estava cheio de dúvidas, olhava para o bandeirinha, para a torcida (risos). Ontem (domingo), o árbitro saiu rindo. Isso que foi estranho. Se viu, por que deu? - disse o técnico da Argentina.

Na próxima sexta-feira, a seleção brasileira vai enfrentar Portugal, em Durban, pela última rodada da fase de classificação do Grupo G. O Brasil ocupa a liderança, com seis pontos, seguido de Portugal, com quatro. A Costa do Marfim está em terceiro lugar, com um, e a Coreia do Norte é o lanterna da chave, com zero.   Por Leandro Canônico, Márcio Iannacca e Thiago Lavinas Direto de Joanesburgo, África do Sul

veja também