MENU

Kim Clijsters domina, volta à final na Austrália e será número 2 do mundo

Kim Clijsters domina, volta à final na Austrália e será número 2 do mundo

Atualizado: Quinta-feira, 27 Janeiro de 2011 as 9:17

Fora a quebra de saque obtida no primeiro game, Vera Zvonareva jamais esteve em condições de ameaçar a vitória de Kim Clijsters, que avançou à final no Australian Open. Por confortáveis 6/3 e 6/3, a belga derrotou a rival russa e, de quebra, garantiu a segunda posição no ranking mundial logo depois que o Grand Slam australiano acabar.

Tricampeã do US Open e atual número 3 do mundo, Clijsters disputará sua segunda final em Melbourne. A primeira tentativa foi em 2004, quando saiu derrotada pela compatriota Justine Henin. "Aussie Kim", ou Kim australiana, como é apelidada no país desde que namorou Lleyton Hewitt, enfrentará desta vez a chinesa Na Li, que surpreendeu e eliminou a número 1 do mundo, Caroline Wozniacki, também nesta quinta-feira.

O jogo terá um pequeno sabor de revanche para Clijsters. Há menos de duas semanas, na final do WTA de Sydney, a belga esteve derrotando Na Li por 5/0 no primeiro set, mas cedeu uma incrível virada e acabou derrotada em sets diretos.

O único momento em que Zvonareva teve vantagem nesta quinta-feira foi o primeiro game, em que conseguiu quebrar o saque de Kim Clijsters. A belga, no entanto, saiu do prejuízo no game seguinte e não teve mais seu serviço ameaçado. A atual número 3 aproveitou as chances no segundo serviço da russa (venceu cinco dos sete pontos disputados) e, com uma quebra, abriu vantagem e fechou a parcial em 6/3.

Concentrada e sem sofrer os apagões de partidas anteriores, Clijsters manteve o domínio, batendo forte na bola e não dando chance para que Zvonareva mandasse nos pontos. A quebra decisiva veio logo no terceiro game. Depois disso, a número 2 só teve break points no oitavo game. Clijsters, contudo, se salvou das duas chances de quebra e, com isso, desanimou de vez a rival. Em seguida, Zvonareva, já irritada, cedeu nova quebra e, com ela, o jogo.  

veja também