MENU

Lance Armstrong volta a ser alvo de acusações por uso de doping

Lance Armstrong volta a ser alvo de acusações por uso de doping

Atualizado: Quarta-feira, 19 Janeiro de 2011 as 3:18

Lance Armstrong voltou a ter de conviver com as suspeitas de doping. Depois de ter sido acusado pelo ex-companheiro de equipe, Floyd Landis, em maio do ano passado, o heptacampeão da Volta da França viu o assunto ser reavivado por uma matéria publicada da 'Sports Illustrated'. Questionado pelos repórteres que acompanham a disputa do Tour Down Under, Armstrong disse que não faria comentários. Diante da insistência, deixou o bom humor de lado.

- Cara, você é estúpido? Que parte do "eu não vou comentar" não está claro para você? - respondeu o ciclista.

A publicação americana afirma que em novembro, a polícia invadiu a casa de Yaroslav Popovych, seu companheiro de equipe, e teria encontrado provas de contatos recentes entre Armstrong e o médico italiano Michele Ferrari. Em 2004, Armstrong tornou público o rompimento da relação com Ferrari.

Há também uma alegação de que o americado teria feito uso, no fim dos anos 90, de uma substância chamada HemAssist - que aumenta a capacidade do transporte de oxigênio no sangue -, o que foi negado por seu advogado. Os relatos de Landis também foram levados em consideração. Ele afirma que em 2003, quando a equipe desembarcou em St Moritz, autoridades da imigração questionaram Armstrong sobre seringas e medicamentos com rótulos em espanhol que estavam em sua bagagem. Segundo Landis, ele teria pedido a um dos funcionários da equipe para convencer os agentes de que as drogas eram vitaminas e que as seringas foram para injeções de vitamina. Episódio que também já havia sido negado pelo campeão de 39 anos.

Kiwi Stephen Swart, banido do esporte pelo uso de EPO e outro ex-companheiro, disse que Armstrong instigava a utilização de substâncias proibidas.

- Não vou dar declarações sobre isso. Não tenho nada a dizer. Volto a repetir que não existe nada.  

veja também