MENU

Líderes do elenco garantem: vestiário é protegido contra turbulências

Líderes do elenco garantem: vestiário é protegido contra turbulências

Atualizado: Quinta-feira, 16 Junho de 2011 as 9:10

Bolívar diz que instabilidade não atinge o grupo

(Foto: Lucas Uebel/VIPCOMM)

  Feito um daqueles abrigos subterrâneos para onde as pessoas correm em busca de proteção em áreas de risco, o vestiário do Inter está blindado contra turbulências. Pelo menos é o que garantem alguns dos principais líderes do elenco colorado. Em semana de retomada da pressão pela saída do Falcão, de desabafo do técnico contra a imprensa e de pedido de demissão de dirigente (Newtom Drummond, diretor-executivo de futebol), o local de trabalho dos atletas segue imune a ventos e tempestades, garantem os jogadores.

Bolívar, capitão do time e principal líder do elenco, não vê razão para faíscas chamuscarem a pele dos atletas. Ele lembra que é um elenco experiente e vencedor que está dentro daquelas quatro paredes e daquelas quatro linhas.

- Esse vestiário está blindado. Sempre foi. O que vem de fora, de críticas, coisas que escutamos, procuramos absorver muito bem, porque é um grupo experiente. Estamos em uma competição importante, em que precisamos de pontos fora. Esses problemas que acontecem, procuramos esquecer – disse o jogador.

Já Kleber, em momentos de instabilidade, procura escapulir do que é dito sobre o Inter. Prefere não ler nada, não ver nada, não ouvir nada.

- No vestiário, isso não entra. Todo mundo fica triste com algumas coisas indevidas que são colocadas. Temos que fazer o melhor pelo Inter e buscar as vitórias – opinou ele.

Acima de tudo, o elenco parece lutar para impedir que críticas, rusgas e brigas de poder afetem seu trabalho. Eles usam a confiança no próprio futebol como arma.

- O mais importante é os jogadores que aqui estão não desconfiarem do trabalho. Ninguém está aqui por apadrinhagem. Para vestir a camisa desse clube, é preciso uma identificação muito grande. São jogadores vitoriosos, em um dos clubes mais ganhadores dos últimos cinco anos. Os jogadores mais experientes procuram passar aos mais jovens que aqui é um clube campeão e que a confiança precisa ser normal – afirmou Bolívar.

O Inter tem cinco pontos conquistados nas quatro rodadas iniciais do Brasileirão. No domingo, visita o Coritiba no Couto Pereira.            

veja também