MENU

Locais de treinamento em BH são vistoriados para a Copa do Mundo

Locais de treinamento em BH são vistoriados para a Copa do Mundo

Atualizado: Segunda-feira, 7 Fevereiro de 2011 as 1:51

Nesta segunda-feira, membros do Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo de 2014 começaram a vistoriar possíveis campos de treinamento, em Belo Horizonte, para as Seleções durante o Mundial do Brasil.

A capital mineira, junto com outras 11 cidades, será uma das sedes da competição. Nesta visita, os membros do COL irão visitar oito locais.

Os campos oficiais de treinamento (COT´s) têm a finalidade de receber as delegações apenas durante alguns dias antes das partidas. A infraestrutura dos lugares será toda utilizada, como academia e centro de fisioterapia.

O presidente do Comitê Executivo da Copa de 2014 em Belo Horizonte, Tiago Lacerda, explica quais são os critérios analisados pelos membros do COL.

- Nós temos uma especialista agrônoma, vendo as características técnicas dos campos, arquiteto, então é avaliado tudo, desde o pH do solo, da piscina, até a área de estacionamento, de imprensa, vestiários, se tem internet, se tem aproveitamento de água de chuva para irrigação, enfim. São critérios técnicos para o treinamento esportivo, além de questões de acessibilidade e sustentabilidade.   A primeira parada dos membros do COL foi a Toca da Raposa I, local de treino das categorias de base do Cruzeiro. Durante a visita, os membros do comitê vistoriaram os campos - tendo inclusive retirado amostras dos gramados, - sala de musculação e hotel.

Durante os dois dias de visita, o comitê ainda passará pela Toca da Raposa II, estádio do Baleião, estádio Independência, campos de futebol da PUC-MG e e Uni-BH, CT Lanna Drumond (do América-MG) e Cidade do Galo (do Atlético-MG).

Após a visitação aos oito campos, um relatório será elaborado e encaminhado ao Comitê Organizador Local da Copa. Então, em conjunto com a Fifa, serão escolhidos três campos, sendo dois oficiais e um reserva. O prazo para a decisão final, que irá incluir também os campos das outras cidades-sede, será de até seis meses.    

veja também