MENU

Lúcio pede que Fábio Santos reverta antipatia da torcida

Lúcio pede que Fábio Santos reverta antipatia da torcida

Atualizado: Quarta-feira, 29 Setembro de 2010 as 8:56

Vaias perseguem Fábio Santos em todos os cantos do Estádio Olímpico. O lateral-esquerdo titular do Grêmio mal toca na bola e recebe a reprovação dos torcedores. Muitas vezes, não precisa nem estar presente. Basta ter seu nome anunciado no sistema de som que os urros e xingamentos irrompem das arquibancadas.

Na semana passada o jogador atribuiu a manifestação coletiva à predileção dos gremistas por Lúcio. Fábio Santos acredita que a torcida não está contra ele, mas sim a favor do concorrente pela camisa 6.

Suspenso, Fábio Santos não enfrenta o São Paulo às 22h desta quarta-feira, no Olímpico. Está livre, portanto, das vaias. Lúcio volta à equipe, mas não como lateral - será improvisado como volante, enquanto Gilson entra no lado esquerdo da linha defensiva.

Para Lúcio, cabe apenas a Fábio Santos dar fim à perseguição:

- Para o ego é bom, porque a torcida sabe do meu potencial. Mas fico triste pelo companheiro. Eu já passei por isso. A única pessoa que pode reverter é ele, não adianta nada eu ou o Renato falar alguma coisa.

O jogador toma como exemplo a própria carreira, citando as vaias que recebia no Palestra Itália quando jogava pelo Palmeiras.

- Eu era vaiado no Palmeiras. E só eu poderia mudar aquilo, não adiantava o incentivo dos colegas. Eu acabei indo embora, fui para o São Paulo. Não era eu o culpado.

Improvisado, ou na lateral, Lúcio aproveita o retorno ao time para elogiar o técnico Renato Gaúcho. Cumprindo suspensão, ele não participou da vitória fora de casa sobre o Atlético-MG por 2 a 1, no último domingo.

- Antes o time não tinha tranquilidade para fazer as jogadas. Agora estamos à vontade, é bem a cara do Renato. Sem a bola a gente marca, mas com a bola a gente ataca.

veja também