MENU

Lusa recebe o Boa Esporte para dar passo importante à Série A

Lusa recebe o Boa Esporte para dar passo importante à Série A

Atualizado: Terça-feira, 11 Outubro de 2011 as 10:25

Jorginho está perto de atingir sua meta: 63 pontos

(Foto: Marcos Ribolli/Globoesporte.com)

  Dona do ataque mais positivo de todas as divisões do Campeonato Brasileiro com 61 gols marcados em 29 partidas, a Portuguesa aposta em seu retrospecto para vencer o Boa Esporte, nesta terça-feira, às 20h30m (horário de Brasília), e dar importante passo rumo ao retorno à elite do futebol nacional. Invicta há doze rodadas, a Lusa contou com os tropeços de seus rivais diretos – Ponte Preta, Americana e Náutico apenas empataram na última rodada – para ampliar ainda mais a sua vantagem na liderança da competição.

Agora, a Portuguesa tem dez pontos de vantagem para a Ponte, vice-líder, e quatorze em relação ao Boa Esporte, quinto colocado. Com nove jogos a disputar, somente uma sequência trágica da equipe rubro-verde e um ótimo desempenho de seus concorrentes pode tirar a Lusa do Campeonato Brasileiro da Série A do ano que vem.

Uma vitória contra o Boa Esporte, rival direto por uma das vagas, coloca a Lusa bem próximo do acesso. Segundo o matemático Tristão Garcia, o clube que chegar na última rodada com 64 pontos ganhos deve garantir o acesso sem depender do tropeço de nenhum concorrente.     Comparado aos torneios dos últimos anos, a pontuação da Portuguesa dá certa tranqüilidade ao torcedor lusitano (veja quadro ao lado). Porém, o técnico Jorginho não acredita em festa antecipada e espera duelo difícil nesta terça-feira.

- O Boa está fazendo uma ótima campanha e vai dificultar ao máximo para nós. Se não entrarmos ligados, atentos e focados no jogo teremos problemas como tivemos em Recife contra o Salgueiro - disse Jorginho.

Já o Boa Esporte terá um desfalque importante. O atacante Jheimy, artilheiro da equipe na Série B com 10 gols, está vetado por conta de uma contusão na coxa esquerda, sofrida no jogo de sábado – empate sem gols com o Americana. O técnico Nedo Xavier não definiu quem será o substituto, tampouco confirmou como irá montar a parte ofensiva da equipe mineira. São duas as opções, ambas com Valdson: adiantar Ramon ou, então, escalar Raul. Uma outra alternativa, talvez a menos cotada, será a entrada de Valdo, que é mais de área, no lugar de Valdson.

Os jogadores do time mineiro ainda lamentam o resultado da rodada passada, em casa. Em especial o pênalti não marcado no fim da partida – bola no braço do zagueiro adversário – que poderia ter mudado o resultado do jogo. Outra preocupação do treinador do Boa Esporte será com o comportamento da equipe diante da festa que está sendo programada pela Portuguesa. Para ele, os jogadores devem entrar em campo focados, sem sucumbir à pressão que vão enfrentar no Canindé.

- É para esquecer a festa e jogar concentrado, dentro das características que o time tem de marcar e não dar espaço ao adversário.

Provável time do Boa Esporte: Luiz Henrique, Olívio, Thiago Carvalho, Carciano e Marinho Donizete; Claudinei, Jean Cleber, Moisés e Carlos Magno; Valdson (Valdo) e Ramon (Raul).        

veja também