MENU

Luxa apaga velinhas e quer assoprar possível crise em caso de eliminação

Luxa apaga velinhas e quer assoprar possível crise em caso de eliminação

Atualizado: Terça-feira, 10 Maio de 2011 as 9:09

Vanderlei Luxemburgo completa 59 anos nesta terça-feira. Em tom de brincadeira, o técnico disse que, se fosse pedir a classificação para a semifinal da Copa do Brasil como presente, teria que fazer aniversário todos os dias para estar sempre em decisões de campeonatos. Ao mesmo tempo em que apaga velinhas, Vanderlei assopra para longe uma possível crise em caso de eliminação nesta quarta-feira, no jogo de volta contra o Ceará, às 21h50m, em Fortaleza.

- A vida do Flamengo não acaba se não passarmos pelo Ceará. Temos de buscar o resultado fora de casa e partir para cima, mas se perdermos, fazer o quê? E tudo que fizemos nos quatro meses deste ano? Se formos eliminados, não vai tudo para o espaço, assim como se classificarmos não seremos o melhor time do mundo - afirmou o técnico rubro-negro.

Ronaldinho Gaúcho e Luxemburgo no treino do Flamengo (Foto: Fernando Maia / Agência O Gobo)

  Ao retornar ao clube no ano passado, Vanderlei tinha como principal objetivo livrar o time do rebaixamento no Brasileiro. Isaías Tinoco, gerente de futebol, teve a missão de convencer o técnico a aceitar o desafio depois da demissão de Silas. Depois do primeiro passo, uma reunião de seis horas com a presidente Patricia Amorim selou o acordo.

Vanderlei conseguiu evitar que o time fosse rebaixado. Na atual temporada, exaltando sempre a construção do Centro de Treinamento, o treinador conseguiu ser campeão carioca de forma invicta, mas ainda assim o time foi alvo de críticas por conta de atuações apagadas.

- No Brasil, você contrata hoje e tem que ser campeão amanhã. O time do Flamengo que foi campeão do mundo demorou seis anos para ser formado. Nós temos uma equipe que vai ganhar corpo, é o início de um projeto – disse Luxa.

O treinador comandou o time em 37 partidas (19 vitórias, 14 empates e quatro derrotas). Na atual temporada foram 26 jogos (16 vitórias, nove empates e apenas uma derrota). Aniversariante do dia, Vanderlei brincou:

- Se fosse pedir classificação como presente, teria que fazer aniversário todos os dias.

Resta saber se o Ceará preparou algum presente de grego para Vanderlei.        

veja também