MENU

Luxa: 'Não recuperei o Ronaldinho. Foi ele quem se recuperou'

Luxa: 'Não recuperei o Ronaldinho. Foi ele quem se recuperou'

Atualizado: Sexta-feira, 26 Agosto de 2011 as 3:16

Luxemburgo já tem o time para o clássico, mas

ainda não confirma a escalação (Foto: VIPCOMM)

  Vanderlei Luxemburgo não confirmou o time que enfrenta o Vasco, domingo, pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão. Mas a formação ideal, segundo ele, está na cabeça. O técnico não terá Airton e Thiago Neves, machucados, e a tendência é que Luiz Antonio e Darío Bottinelli sejam mantidos.

No treino da manhã desta sexta-feira, aqueles que enfrentaram o Atlético-PR realizaram um trabalho leve na academia. Autor do gol que assegurou a vitória por 1 a 0 e a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana, o camisa 10 mostrou-se novamente decisivo. E tem sido assim. Autor de 17 gols na temporada, é o goleador do time. No Brasileirão, é o vice-artilheiro com dez, dois a menos que Borges, do Santos.

Ronaldinho também tem chamado a atenção pela condição física. Perdeu peso, está com 81kg, e percentual de gordura em 9,2%, considerado excelente pelo preparador Antônio Mello. O corpo em dia e cabeça no lugar levaram R10 de volta à Seleção Brasileira, após nove meses. No último dia 18, fora convocado para o amistoso contra Gana, em Londres.

Vanderlei tem aproveitado o bom momento do seu principal jogador para brigar pelo título do Brasileirão. O Rubro-Negro é vice-líder, com 35 pontos, dois a menos que o Corinthians. O técnico não aceita os méritos pela recuperação do camisa 10. Diz que a evolução física e técnica passa pela motivação do jogador.

- Eu não recuperei o Ronaldinho. Foi ele quem se recuperou. Um jogador do nível dele coloca metas para serem alcançadas e vai. A volta ao Brasil e ao Flamengo, ele ser tratado como ídolo de novo, o maior ídolo do clube, sendo respeitado por isso, sem dividir com ninguém, mexeu com ele. Viu que pode voltar a ser o grande nome. Jogadores desse nível têm essa necessidade de massagear o ego, sentem prazer nisso. Só se motivam quando isso se aproxima. Vai despertar nele. Quando chegam a esse nível, é duro de segurar. São diferentes.

Luxemburgo chegou a se empolgar ao comentar as váriações táticas que tem feito com R10 na equipe. Às vésperas do clássico, falou até demais.

- Coloquei o Ronaldo como atacante da frente contra o Atlético-PR. Precisava que meus jogadores chamassem o time deles para trás. Fiquei com Darío atrás, o Negueba solto, e o Ronaldinho na frente. É um atacante que se posiciona muito bem pelo lado esquerdo. Funciona muito nas costas... Ih, rapaz. Agora que me liguei, estou passando tudo que o cara faz. Que babaca que eu sou, hein? Me pegou leve demais. Tinha de me preperar para isso aí (risos). O Ronaldo para mim é um atacante hoje. Menos espaço para correr, mas para usar o melhor potencial dele.

A concentração para o clássico começa na noite desta sexta-feira. O grupo rubro-negro volta a trabalhar na tarde deste sábado, às 15h30m, no Ninho do Urubu. A escalação provável: Felipe, Léo Moura, Alex Silva, Welinton e Junior Cesar; Willians, Luiz Antonio, Renato e Bottinelli; Ronaldinho e Deivid.            

veja também