MENU

'Maior goleador das Américas', Jonas busca espaço na Seleção Brasileira

'Maior goleador das Américas', Jonas busca espaço na Seleção Brasileira

Atualizado: Sexta-feira, 4 Março de 2011 as 12:18

Após ser pego de surpresa pela convocação da Seleção Brasileira nesta quinta-feira, o atacante Jonas, artilheiro do último Campeonato Brasileiro pelo Grêmio e atualmente no Valencia, afirmou que vai fazer de tudo para agarrar a oportunidade de atuar com a amarelinha.

- É uma sensação maravilhosa fazer parte dessa equipe. É muito bom ser lembrado.  Sei que a posição de atacante tem muitos jogadores bons, mas pretendo buscar meu espaço aos poucos. O importante é ajudar o Brasil - afirmou o ex-gremista, por telefone, ao GLOBOESPORTE.COM.

Apesar de só ter atuado em três partidas pelo Valencia e marcado um gol, o jogador atribuiu a escolha de Mano Menezes ao bom trabalho que vem fazendo na Espanha. - Já trabalhei com o Mano e aprendi muito taticamente, mas não atribuo minha convocação ao fato de já conhecer o treinador. Ele é um observador, está sempre de olho, tanto no futebol nacional, como fora do país. Acredito que ele tenha reconhecido o trabalho que eu venho fazendo por aqui. Estou muito feliz - disse o camisa 18 do Valencia, desde janeiro no clube. O jogador ainda fez questão de elogiar o trabalho do técnico do Brasil e disse estar honrado de atuar ao lado de medalhões como Lúcio e Júlio César.

- É inexplicável a sensação de poder jogar com atletas consagrados como eles. A mescla de jogadores experientes, que tem mais segurança, com talentos mais novos, é muito válida. Tudo está está sendo muito bem feito e já está rendendo bons frutos. Espero que a Seleção chegue bem na Copa do Mundo e possa ser campeã - relatou esperançoso.

Ciente de que o Campeonato Espanhol é uma boa vitrine para novas convocações, Jonas afirmou que está dando o máximo pelo Valencia. O centroavante teve boa atuação e marcou o gol da vitória da equipe, o primeiro dele, sobre o Athletic Bilbao, por 2 a 1, no Campeonato Espanhol, no fim de semana, mesmo tendo entrado apenas aos 18 minutos do segundo tempo. De 'pior atacante do Mundo' a 'maior goleador das Américas'

Recentemente, Jonas recebeu a Chuteira de Ouro das Américas, troféu oferecido pela revista espanhola "Don Balón" ao maior goleador entre os 12 campeonatos nacionais do continente. Mesmo com o sucesso no país, Jonas ainda busca se adaptar ao estilo europeu de jogo.

- Estou me adaptando ainda, aqui o jogo é mais rápido, os gramados são de melhor qualidade, a bola corre mais - comentou. Questionado sobre o gol perdido contra o Boyacá Chicó, na Libertadores, quando ainda defendia o Tricolor gaúcho, e foi criticado pela imprensa espanhola, chegando a ser chamado de "pior jogador do Mundo" pelo jornal "El Mundo Deportivo", Jonas foi categórico.

- Foi um lance normal. Ninguém aqui fala disso comigo. Na Espanha, agora só me elogiam, tanto que ganhei o troféu da revista "Don Balón". Na época eu estava bem no Grêmio e depois fui artilheiro do Brasileirão - afirmou o atacante, comparado pelo jornal "El País" ao conterrâneo Nilmar, do Villareal, que também foi convocado por Mano.

O jogador ainda falou que quer aproveitar o máximo a passagem no Velho Continente e comentou sobre a cobrança maior aos brasileiros no futebol da Europa.

- Quero ficar um bom tempo aqui e dar meu melhor. Correr muito e estar bem fisicamente. Com certeza o fato de ser brasileiro faz com que haja uma cobrança maior, pelo fato de que o futebol do Brasil é reconhecido internacionalmente, com ídolos em todos os lugares, mas lido bem com isso. Você tem que sempre pensar alto na carreira. Jogar sob pressão é bom porque estimula o jogador - concluiu o centroavante.    

veja também