MENU

Mais disciplinado do Brasileiro, Bota comemora 'marcação limpa'

Mais disciplinado do Brasileiro, Bota comemora 'marcação limpa'

Atualizado: Quinta-feira, 3 Novembro de 2011 as 10:51

A dupla de zaga do Botafogo tem quatro amarelos com

Antônio e nenhum com Fábio (Foto: Satiro Sodré/Agif) O Campeonato Brasileiro ainda não terminou, mas o Botafogo já tem pelo menos um motivo para ficar satisfeito. Até à 32ª rodada, a equipe é a mais disciplinada da competição. Em todo o torneio, o Glorioso recebeu 61 cartões amarelos e quatro vermelhos, totalizando 65 advertências. A curiosidade é que o segundo colocado nessa lista é o líder Corinthians, com 64 amarelos e cinco vermelhos, totalizando 69. O Vasco, vice-lider, é o time que menos recebeu vermelhos, com apenas dois em sua conta (veja a tabela com os times menos advertidos abaixo).

Para os jogadores do Botafogo, os números não impressionam. Segundo Alessandro, não receber cartões é uma ordem expressa do técnico Caio Júnior.

 - Primeiramente, a gente evita fazer faltas e tomar o cartão amarelo. O Caio não gosta que jogador tome cartão amarelo para que não corra o risco de alguém ser expulso. Quando um adversário está de costas, não podemos fazer falta. Ali atrás, a gente tem a orientação de cercar e dar o bote na hora certa. Até para não fazer uma falta que pode render uma jogada perigosa para o adversário – explicou o lateral.  O volante Marcelo Mattos analisa a questão por outro ângulo. Para o jogador, o esquema de marcação coletivo facilita a que o Botafogo consiga tomar a bola dos rivais sem precisar recorrer às faltas.

- A marcação do Botafogo começa sempre na frente e um precisa ajudar o outro. Tem situações em que o adversário pega a bola e já tem dois de nós em cima dele. Assim, fica mais fácil roubar a bola e tem menos risco dele tentar um drible. O Caio também manda a gente nunca reclamar com o árbitro. Ele não quer que a gente tome cartões de bobeira.

O disciplinado Botafogo volta a campo neste sábado, contra o Figueirense. O jogo tem início às 19h (horário de Brasília) e será disputado no estádio do Engenhão.        

veja também