MENU

Mano precisa ganhar, nem que seja par ou ímpar, diz comentarista

Mano precisa ganhar, nem que seja par ou ímpar, diz comentarista

Atualizado: Quarta-feira, 28 Setembro de 2011 as 1:05

Dois confrontos entre Brasil e Argentina em duas semanas e valendo taça. No primeiro jogo do Superclássico das Américas, em Córdoba, as duas seleções fizeram uma partida aquém de suas tradições e empataram por 0 a 0, em um duelo sem muitas emoções. Para Renato Maurício Prado, comentarista do SporTV , o resultado do jogo preocupa muito mais o treinador Mano Menezes, que os torcedores brasileiros e os próprios jogadores.

- Essa Argentina é um time C, mandaram até os argentinos do Brasil. Pegaram Montillo, Guiñazu, tentaram D`Alessandro. E o Mano reclamou. Ele está precisando ganhar, nem que seja par ou ímpar. Ele está em uma fase que precisa ganhar. Está desesperado para ganhar – disse o comentarista durante o " Redação SporTV ".

Quem vencer de Brasil e Argentina fica com a taça do Superclássico. Uma nova igualdade no placar leva a decisão diretamente para os pênaltis.

Mano Menezes no treino da Seleção em Belém (Foto: Mowa Press)        

veja também