MENU

Mão e Fanta superam rotina pesada de treinos com a força da amizade

Mão e Fanta superam rotina pesada de treinos com a força da amizade

Atualizado: Quarta-feira, 24 Agosto de 2011 as 8:59

Amigos, Mão e Fanta são os paredões da seleção

brasileira de futebol de areia (Foto: Igor Christ)

  Nos treinamentos da seleção brasileira de futebol de areia, os goleiros são os que mais sofrem. Os 'paredões' do Brasil participam de uma atividade pesada e ralam bastante nas areias da Praia de Copacabana. Nos jogos, os arqueiros não podem falhar e precisam estar preparados. Para não fazer feio na posição, que é considerada a mais ingrata do futebol, Mão e Fanta apostam na força da amizade.

- A boa relação que nós temos fora de campo influencia e muito no nosso desempenho dentro de quadra. Na seleção, estamos tendo esse convívio diário e isso é importante. Nós somos profissionais e nos respeitamos muito. Por ser mais velho, eu tento passar alguns conselhos ao Fanta  - afirmou o capixaba Mão, de 32 anos.

Titular da seleção canarinho, Mão citou um exemplo vindo dos gramados para exaltar o entrosamento entre os goleiros:

- Lembro de ter visto o Marcos, do Palmeiras, conversar com o Deola sobre a forma de arrumar as luvas, ajeitar o uniforme e também sobre a forma de sair numa bola e fazer uma defesa. Eu achei muito interessante e decidi trazer isso para a nossa seleção também - contou.

Em um dia de treinamento normal, os goleiros de futebol de areia chegam a fazer mais de 100 defesas. Nem por isso, eles reclamam.

- A rotina é dura, mas gratificante quando conseguimos mostrar nosso trabalho nos jogos e fazendo grandes defesas. Tirando o treino coletivo, em que atuamos com os jogadores de linha, os goleiros trabalham juntos e um ajuda o outro. Isso é primordial - explicou o carioca Fanta, de 26 anos.

Apesar do sofrimento do dia a dia de treinos puxados, Mão destaca que só com muito esforço o goleiro consegue ficar com um reflexo apurado para evitar os gols.

Mão faz a defesa durante o treino dos goleiros da seleção brasileira de futebol de areia (Foto: Igor Christ)

  - Pretendo seguir o exemplo do goleiro de Portugal no Mundial Sub-20 (Mika) e só levar gols na final da Copa. Esse é o nosso objetivo. Sabemos da qualidade dos jogadores que estarão na Itália, mas estamos bem treinados e motivados para conseguir essa meta - disse o arqueiro.

Mão e Fanta serão os goleiros do Brasil na Copa do Mundo de futebol de areia, que será realizada de 1º a 11 de setembro, em Ravenna (Itália). O time brasileiro, que busca o pentacampeonato, está no Grupo D, ao lado México, Japão e Ucrânia e tem estreia marcada para o dia 2.              

veja também