MENU

Maradona foge de polêmica, mas provoca Pelé: 'Vai ficar aborrecido'

Maradona foge de polêmica, mas provoca Pelé: 'Vai ficar aborrecido'

Atualizado: Sexta-feira, 9 Setembro de 2011 as 3:46

Diego Maradona já sofreu com até 54ºC em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, mas não há temperatura no mundo que o faça mudar. Ele continua o provocador de sempre. E provou em entrevista publicada pelo diário argentino “Olé” nesta sexta-feira. O atual técnico do Al Wasl não perdeu a oportunidade de alfinetar Pelé ao comentar as declarações de Lionel Messi, que disse recentemente não ter visto o Rei jogar: “Mas não me faz falta” .

– Os vídeos de Pelé vão ser vistos em preto em branco, e ele vai ficar aborrecido. Dizer que a luta para serem os melhores está entre Maradona e Messi, Messi e Maradona. É forte. O moreno ficará irritado, e vai se armar a confusão – disse Maradona.

Diego Maradona, sempre provocativo quando o assunto é Pelé, em jogo do Al Wasl (Foto: AFP)

  Ex-treinador da Argentina, demitido após o fracasso na última Copa do Mundo, na África do Sul, “El Diós” afirmou ainda ser difícil lidar com as feridas e fez até uma revelação surpreendente.

– Desde que eu saí, não vi o time da Argentina nenhuma vez. E eu não acho que posso assistir de novo, só vai me machucar. Ninguém me deve nada, eu coloquei minha vida na linha pelos jogadores e eles fizeram o mesmo por mim. Nós não conseguimos dar à Argentina o que queríamos, que foi a Copa do Mundo... Mas nós não devemos nada um para o outro, demos tudo o que tínhamos e podemos olhar para o espelho com orgulho – contou.

Messi foi tratado como Deus nos amistosos da

Argentina na Índia e em Bangladesh (Foto: AP)

  Maradona também se mostrou feliz com a notícia de que o craque Messi será o capitão da Argentina ao menos até o Mundial do Brasil, em 2014. Ser tratado como Deus, como basicamente aconteceu com o atacante do Barcelona nos últimos amistosos da seleção, não é novidade para ele.

– Isso me faz muito feliz porque ele é um ótimo menino, merece. Quando ficou em segundo atrás do Cristiano Ronaldo, eu lhe disse: 'Essa é a última vez que eu vou permitir'. Ele disse: 'Como?'." Agora, ele nunca mais fica em segundo. As pessoas fazem a escolha, e as pessoas de Bangladesh, Calcutá, Munique ou qualquer outro lugar, quando veem um jogador como Messi, ficarão satisfeitos e irão à loucura com a paixão que temos por todos que tratam bem a bola. Ninguém a trata melhor do que Messi – afirmou o Pibe, referindo-se à conquista do português em 2008.

Com o Al Wasl, Maradona perdeu outro amistoso preparatório para a temporada nos Emirados Árabes na última quinta: 2 a 1 para Dibba. Sua estreia, no último dia 28, foi com vitória: 3 a 1 no Ittihad Kalba.          

veja também