MENU

Marcelinho Paraíba lembra de bons e maus momentos da carreira

Marcelinho Paraíba lembra de bons e maus momentos da carreira

Atualizado: Terça-feira, 6 Setembro de 2011 as 4:11

O atacante do Sport Marcelinho Paraíba é 'O Cara da B' no É Gol!!! desta terça-feira. O jogador relembrou os grandes momentos de sua carreira e, na sua opinião, foi no Grêmio onde ele se destacou mais. - Em seis meses, conquistei dois títulos: a Copa do Brasil e o Campeonato Gaúcho - declarou.

Hoje na Ilha do Retiro, Marcelinho acredita que, para disputar a Série B, a garra é o fator mais importante em campo:

- A Série A é mais técnica. A Série B é mais pegada, tem mais correria. Está sendo bom, estou crescendo, comecei a fazer gols importantes, ajudando a minha equipe. Espero melhorar mais ainda.

O jogador escolheu o gol de falta pelo São Paulo, na final do Paulistão de 2000, contra o Santos, como o mais bonito de sua carreira. O Tricolor perdia por 2 a 1 e, com uma linda cobrança, Marcelinho empatou o jogo, garantindo o troféu para o clube do Morumbi.     Porém os atacantes não vivem apenas de bons momentos. O mais desagradável da sua carreira também aconteceu no ano 2000. Na segunda partida da decisão da Copa do Brasil, Marcelinho cabeceou livre na pequena área, para grande defesa do goleiro André. A Raposa venceu aquela partida por 2 a 1 e levantou a taça:

- Foi um gol que eu perdi no finalzinho do jogo. Eu nunca me esqueço. Se eu faço aquele gol, a gente tinha conquistado o título.

O jogador do Sport atacou também de narrador, lembrando um gol importante para a Seleção. Em agosto de 2001, Marcelinho foi titular da equipe comandanda por Felipão, que estava ameaçada nas Eliminatórias para a Copa de 2002. O atacante abriu o placar contra o Paraguai, de cabeça, e o Brasil venceu por 2 a 0.

O Sport está em quinto lugar na Série B, a apenas um ponto do G4. O Rubro-Negro volta a campo no sábado, às 16h20m, contra o Barueri na Arena Barueri.        

veja também