MENU

Marcos evita falar em aposentadoria e deve voltar ao Verdão no domingo

Marcos evita falar em aposentadoria e deve voltar ao Verdão no domingo

Atualizado: Terça-feira, 3 Agosto de 2010 as 3:01

Marcos, goleiro do Palmeiras, fala em parar só aos

40 anos (Foto: Diego Ribeiro / Globoesporte.com)  

A um dia de completar 37 anos, Marcos não quer nem ouvir falar em aposentadoria. Depois de ter declarado que pararia de jogar ao fim desta temporada, o ídolo do Palmeiras prefere não falar mais sobre o assunto. Segundo ele, o preparador de goleiros Carlos Pracidelli, velho companheiro e que retornou ao clube recentemente, o impede de pensar na possibilidade. - Nem quero mais falar sobre aposentadoria, estou proibido pelo Pracidelli de falar nisso. O dia em que eu realmente for me aposentar, falo disso - garantiu o goleiro.

Porém, Marcos deixou escapar que o dia de pendurar as chuteiras ainda pode custar a chegar.

- Quero jogar quanto tempo eu puder, a idade não me atrapalha. Até pelo tipo de treinamento que é feito comigo. Com essa programação feita para mim, dá para jogar até os 40 anos - afirmou, aos risos.

A preparação especial que vem recebendo desde que foi submetido à uma artroscopia no joelho esquerdo faz com que ele se sinta motivado para ir mais longe. Com dores no local, ele não enfrentou Ceará e Corinthians, mas deve voltar diante do Goiás, no próximo domingo, às 16h, no Serra Dourada. Ele já treina com o elenco nesta terça. Desde o retorno do Brasileirão, ele só fez um jogo, contra o Botafogo. E admite que foi cedo demais para tentar jogar novamente.

- A artroscopia foi muito bem feita, eu acredito que a minha empolgação com o fato de o Felipão estar voltando, o Carlão (Pracidelli) chegando, me fez retornar antes do tempo. Voltei o mais rápido possível, contra o Botafogo, e acabei sentindo novamente. Eu me concentrei no sábado para pegar o Corinthians, mas acabei não jogando e fiquei chateado. Não precisava forçar. No fim de semana, quero ajudar meus companheiros - explicou Marcos.

Na manhã desta terça-feira, o Verdão fez apenas trabalhos físicos na academia. À tarde, o elenco realiza mais um treinamento, desta vez fechado. O técnico Luiz Felipe Scolari começará a definir o time que enfrenta o Goiás, domingo.     Por Diego Ribeiro São Paulo

veja também