MENU

Mesmo criticados, Luan e Adriano devem permanecer no Palmeiras

Mesmo criticados, Luan e Adriano devem permanecer no Palmeiras

Atualizado: Sábado, 28 Maio de 2011 as 8:56

Dois dos jogadores mais criticados pela torcida do Palmeiras estão em alta com o técnico Luiz Felipe Scolari. Os atacantes Luan e Adriano não gozam de prestígio junto aos palmeirenses, mas devem permanecer no clube por vontade do comandante.

Sondado pelo Bahia, o Michael Jackson disse “não” para seguir com Felipão. E com contrato vencendo no fim de julho, Luan deve ter empréstimo prorrogado junto ao Toulouse-FRA.

- Pedi à direção que mantivesse o Luan, seguir com o empréstimo seria ótimo. Ele quer ficar mais um ano, seis meses no Brasil. Cumpre papel importante no time. Só depende de valores e acertos entre as direções – destacou Felipão.

O Palmeiras já tem a proposta para oferecer ao clube francês, que deve tomar decisão já na próxima semana. Afinal, o campeonato nacional termina neste domingo. Leal a Felipão, Luan ganhou a confiança do técnico por ter função tática relevante e exercer a marcação na saída de bola do adversário mesmo sendo atacante. O camisa 21 aprendeu no Palmeiras a importância de compor o meio-campo.

- A situação do Luan é simples. Se os franceses aceitarem a prorrogação, renovamos – afirmou o vice-presidente Roberto Frizzo.

Com Adriano é mais simples ainda. O empréstimo dele junto ao Fluminense só vence no fim do ano, então a preocupação se dava mais pela vontade do jogador em permanecer ou não no Palmeiras. Mesmo vivendo um jejum de gols de quase três meses, Adriano disse à diretoria que gostaria de permanecer. A proposta do Bahia não o seduziu, mesmo tendo sido um dos astros da equipe baiana na Série B do ano passado.

A dupla vive longo jejum de gols pelo Palmeiras. Adriano marcou pela última vez, no dia 2 de março, quatro gols na vitória por 5 a 1 sobre o Comercial-PI. No total, o Michael Jackson tem 18 jogos e seis gols no clube. Luan não balança as redes desde 16 de março, contra o Uberaba, quando marcou duas vezes na vitória por 4 a 0. No total, ele tem 46 jogos e seis gols com a camisa alviverde.

Luan e Adriano foram também dois dos mais criticados após a goleada por 6 a 0 sofrida contra o Coritiba, pela Copa do Brasil. No dia seguinte ao jogo, torcedores mais exaltados atiraram um coquetel molotov (espécie de bomba incendiária) que acertou justamente o carro de Luan, no estacionamento do CT. Em relação a Adriano, a reclamação é que o atacante estaria abusando das baladas, fato negado pelo jogador.   FOnte: GloboEsporte

veja também