MENU

Michael Phelps nada sem "supermaiô" e perde em duas provas em Estocolmo

Michael Phelps nada sem "supermaiô" e perde em duas provas em Estocolmo

Atualizado: Terça-feira, 10 Novembro de 2009 as 12

Michael Phelps, o maior vencedor de todos os tempos em uma mesma edição de Olimpíada com oito ouros (Pequim-2008), voltou às piscinas na Copa do Mundo de Estocolmo e decepcionou. Sem o maiô tecnológico, o norte-americano ficou fora de duas finais e se classificou no sufoco nos 100 m medley.

Phelps não competia há quatro meses e decidiu não usar o ''supermaiô'', que diminui o atrito entre o atleta e a água e reduz assim a perda de velocidade. Nesta terça-feira (10), ele falhou nos 100 m livre (47s77, 16º tempo) e nos 100 m costas (desqualificado por razão ainda não divulgada).

No medley, sua especialidade, se classificou em sétimo, com 53s13, mais de meio segundo atrás do primeiro, o sul-africano Darian Townsend. A maior parte dos competidores usou maiôs tecnológicos.

Phelps, entretanto, já havia declarado na segunda-feira (9) que não está na sua melhor forma e que usará Estocolmo para testar o maiô antigo. Além disso, já pensando no Campeonato Norte-americano do ano que vem, ele resolveu respeitar o regulamento da próxima temporada, quando os supermaiôs terão de ser substituídos por trajes antigos.

Surpreendentemente, nomes de peso dos 100 m livre como o francês Frederic Bousquet, terceiro colocado em Roma, o australiano Eamon Sullivan, ex-recordista mundial, e o italiano Filipo Magnini, campeão mundial em 2005 e 2007, também não chegaram à final. Nas eliminatórias, o líder foi o sueco Stefan Nystrand, que anotou 45s93.

veja também