MENU

Milton Cruz cita Kaká para justificar queda de rendimento de Lucas

Milton Cruz cita Kaká para justificar queda de rendimento de Lucas

Atualizado: Segunda-feira, 24 Outubro de 2011 as 1:10

Lucas nao vive boa fase (Foto: João Neto/VIPCOMM) Lucas não vive seu melhor momento no São Paulo, mas conta com o apoio do técnico interino Milton Cruz para retomar a grande fase com a camisa tricolor. Há oito jogos sem marcar pelo time, Lucas tem se dividido entre partidas pelo Campeonato Brasileiro e viagens com a Seleção Brasileira, para a qual vem sendo regularmente convocado. Funcionário experiente do clube, Milton já viu essa situação em vários momentos na carreira. O exemplo, inclusive, é de um jogador que já foi eleito o melhor do mundo: Kaká, revelado pelo Tricolor.

O interino comparou a situação de Lucas à do meia do Real Madrid no início de carreira, dizendo que Kaká teve um momento de baixa depois que começou a brilhar como titular do São Paulo. Para Milton Cruz, as oscilações são normais entre os mais novos. Outro garoto, Casemiro, também passa por momento de indefinições no time.

- O Lucas tem o desgaste de viagens, Seleção Brasileira, então não tem o descanso que os outros atletas têm. Kaká também passou por esse momento e depois foi o melhor do mundo, todo jogador jovem passa por isso. Normalmente estoura, depois da uma caída, e aí volta a ser aquele do começo. O Lucas não deixa de ser um excelente jogador, e logo vai voltar bem - analisa Milton Cruz.

No empate sem gols contra o Coritiba, no último domingo, Lucas foi sacado no intervalo após sofrer um corte na perna direita. Milton já queria alguém mais recuado para armar jogadas, e por isso, aproveitou para lançar Marlos na equipe. Para o técnico, Lucas não jogou mal, mas precisava ser poupado para a sequência final que o São Paulo terá no ano entre Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana.

- Achei bom dar um descanso para ele no segundo tempo. Não que ele estivesse mal, mas foi opção colocar o Marlos porque ele é jogador criativo e poderia armar jogadas para o Dagoberto e o Luis Fabiano, antes tínhamos três atacantes enfiados lá na frente - justifica.

Quando defendia o São Paulo, Kaká também alternou altos e baixos (Foto: agência O Globo) Contra o Libertad-PAR, na quarta-feira, pela Sul-Americana, Lucas não corre risco de perder a vaga no time. Milton Cruz fez questão de ressaltar que a queda de rendimento não abalou o jogador, e que ele estará pronto para brilhar na reta final do Brasileirão.

- Na quarta ele estará conosco, talvez jogue até o final. Mas se não jogar, temos opções no plantel. É por isso que temos banco de reservas. Temos o Fernandinho e o Marlos que podem corrigir falhar durante o jogo. Mas o rendimento é normal de um jovem, explode, dá uma baixada, mas depois volta ao normal - explica o interino.        

veja também