MENU

Motos: Acidente de francês dá vitória a Gonçalves e liderança a Coma

Motos: Acidente de francês dá vitória a Gonçalves e liderança a Coma

Atualizado: Quinta-feira, 6 Janeiro de 2011 as 4:51

O acidente de Olivier Pain, no início da quinta etapa do Rally Dakar definiu as posições finais da especial e a liderança da categoria Motos. Marc Coma e Paulo Gonçalves socorreram o francês e a organização abonou o tempo perdido. Com o anúncio, Coma retomou a liderança de Despres e Gonçalves foi declarado vencedor no lugar de Francisco Contardo, que ficou em segundo.

Gonçalves chegou a primeira vitória com o tempo de 5h12min23. "Chaleco" chegou a comemorar seu primeiro triunfo, mas teve que se contentar com o segundo lugar, 2min18 atrás do português. Frans Verhoeven ficou com o terceiro tempo, seguido por Coma e Cyril Despres.

Com os tempos corrigidos, Coma conseguiu colocar mais 12 segundos de vantagem sobre Despres. O duelo mais disputado do rali, com apenas dois segundos os separando antes da penalização de dez minutos do francês, protagonizava a briga pelo título.

Com a entrada no deserto e a interferência no tempo acumulado, a tarefa do espanhol fica mais fácil, já que sua vantagem é de 10min14 para o segundo colocado e 18min32 para Contardo, terceiro no geral.

Brasileiros

Os brasileiros andaram no bloco intermediário. Jean Azevedo pela primeira vez ficou a frente de José Hélio, sendo o 14º mais rápido, mesma posição que ocupa no quadro geral. "Foi uma etapa perigosa, pois passamos por pistas abandonadas, com muita valeta, rio seco e erosões, além de encaramos as dunas. Para um piloto de moto esse conjunto é bem complicado, já que temos que redobrar a atenção no road book e na pilotagem. Preferi evitar complicações e optei por manter um ritmo tranqüilo", explicou.

Já o piloto da BMW Zé Hélio teve seu pior desempenho desde o início da prova, fechando a especial na 16ª colocação e não fazendo mais parte dos Top 10 nas motos. Com o tempo de 5h39min41, ele perdeu três posições no acumulado, caindo para 11º.

O rali percorreu 423 quilômetros de trechos cronometrados depois de um rápido deslocamento de 36 quilômetros. Os 100 quilômetros finais foram em pleno Deserto do Atacama, com muito trabalho de navegação. A chegada ao acampamento foi na descida de montanha com vista para o Oceano Pacífico.

Na sexta-feira, o destino é Arica, no Chile, com mais um dia longo. O deslocamento percorrerá 265 quilômetros. A especial única fica com 456 quilômetros.

Rally Dakar - Motos

Resultados da quinta especial

1. Paulo Gonçalves (POR) - 5h12min23

2. Francisco Contardo (CHL) - 5h14min41

3. Frans Verhoeven (BEL) - 5h14min42

4. Marc Coma (ESP) - 5h16min21

5. Cyril Despres (FRA) - 5h16min33

Classificação geral - após cinco etapas

1. Marc Coma (ESP) - 16h59min33

2. Cyril Despres (FRA) - 17h09min47

3. Francisco Contardo (CHL) - 17h18min05

4. Paulo Gonçalves (POR) - 17h21min15

5. Helder Rodrigues (POR) - 17h31min38

veja também