MENU

Mourinho exibe lista de erros contra o Real e pede proteção da diretoria

Mourinho exibe lista de erros contra o Real e pede proteção da diretoria

Atualizado: Segunda-feira, 20 Dezembro de 2010 as 11:45

Nem mesmo a vitória de 1 a 0 sobre o Sevilla , domingo, evitou o "chororô" do técnico José Mourinho contra o árbitro Clos Gómez. Em entrevista coletiva, o português apresentou uma lista de 13 erros do juiz contra o time merengue no Santiago Bernabéu e pediu mais respaldo da diretoria na "guerra" fora de campo.

A relação foi apresentada em um papel timbrado do Real e apresentava os minutos de todas as reclamações, além dos números de cartões de cada equipe (nove para o clube de Madri, que teve Ricardo Carvalho expulso, e três para o Sevilla).

Entre os erros, a lista reclamava de impedimentos, faltas não dadas, cartões (aplicados e não aplicados), pênalti que teria sido sofrido por Granero e até "apenas um minuto de acréscimo quando deveria ter sido mais". Para Mourinho, o presidente Florentino Pérez e o diretor Jorge Valdano têm que pressionar os árbitros para evitar que o clube seja prejudicado.

- Não estou cansado de fazer as coisas que eu gosto de fazer, como treinar e jogar. Não sinto pressão. Mas estou um pouco cansado de ter uma lista de 13 erros graves do árbitro e de ter que ser eu o defensor da equipe.

Segundo o português, a diretoria é quem tem que fazer as reclamações:

- Há um clube, uma estrutura e quero que minha equipe seja defendida por isso. Se eu digo o que penso, amanhã estou nas manchetes e suspenso.

veja também