MENU

Multa alta, contrato longo e felicidade de R10

Multa alta, contrato longo e felicidade de R10

Atualizado: Sexta-feira, 30 Setembro de 2011 as 3:17

Ronaldinho tem vínculo com o Flamengo até fim

de 2014 (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)

  Uma sequência de boas atuações no Flamengo, gols, assistências, retorno à Seleção Brasileira, e o nome de Ronaldinho Gaúcho volta a entrar na pauta de clubes estrangeiros. Nesta quinta-feira, o jornal "As", da Espanha, publicou a notícia de que o atacante estaria perto de se transferir para o Galatasaray, da Turquia. O irmão e empresário do jogador, Roberto Assis, negou. Ressaltou que R10, de 31 anos, tem contrato com o Rubro-Negro, abraçou o projeto do clube e que está feliz no Rio.

De fato o vínculo até o fim de 2014 tranquiliza o Flamengo. A multa rescisória para equipes de fora do Brasil está estabelecida em R$ 400 milhões. Parceira na contratação do craque, a Traffic se comprometeu a pagar R$ 36 milhões a ele até o fim do contrato. Até agora, pagou R$ 6,750 milhões. É o valor referente à parte de responsabilidade da empresa no acordo. Do pomposo salário de R$ 1 milhão que cai na conta do Gaúcho todo mês, R$ 750 mil são depositados pela parceira e R$ 250 mil pelo clube. Segundo a Traffic, os vencimentos de Ronaldinho estão em dia.

Apesar de ainda não ter obtido qualquer retorno financeiro no negócio, a direção da empresa procura ter paciência. Sabe que se trata de um projeto a médio prazo e pretende cumprir o combinado. Mesmo como responsável pela maior parte do investimeto, ela não teria autonomia para negociar o jogador sem o consentimento do Flamengo, que é dono dos direitos federativos.

    Recentemente, a Traffic decidiu monitorar as negociações de patrocínios do Flamego de perto. A preocupação da empresa se explica. O retorno da parceria é totalmente baseado na geração de receitas do departamento de marketing. Não há no contrato, por exemplo, garantias que envolvam percentuais de direitos econômicos de atletas do clube.

Outro ponto que dá segurança ao Flamengo é a vontade de Ronaldinho. Contratado há nove meses, a adaptação do camisa 10 ocorreu de forma muito rápida e natural. Por mais de uma vez, ele disse que se sente muito à vontade no Rubro-Negro, em casa mesmo. O atacante tem boa relação com os companheiros e funcionários. Além disso, curte os prazeres da vida no Rio: do futevôlei na praia da Barra da Tijuca ao agito da noite carioca.

Ronaldinho também aproveita para acompanhar o crescimento do filho João, de seis anos, e estar perto de pessoas queridas.

- Hoje, eu me sinto 100% Flamengo. Depois, quando parar de jogar, me imagino torcendo pelo Flamengo - disse, em recente entrevista exclusiva .          

veja também