MENU

Multa de Coates é de R$ 14 milhões e empresário diz que não forçará saída

Multa de Coates é de R$ 14 milhões e empresário diz que não forçará saída

Atualizado: Quarta-feira, 22 Dezembro de 2010 as 10:10

Se o São Paulo ou qualquer outro clube brasileiro quiser contratar o zagueiro Sebastian Coates, terá de colocar a mão no bolso. O jogador tem mais dois anos de contrato com o Nacional (URU) e sua multa rescisória está estipulada em US$ 8 milhões (R$ 14 milhões). O empresário do jogador, Matias Pittini disse que uma negociação sairia por um valor inferior ao estipulado em vínculo.

- O Sebastian está muito feliz no Nacional, onde tem contrato longo e pensando na disputa da Taça Libertadores da América de 2011. O seu passe está estipulado e, se o São Paulo tiver interesse, tem de procurar o Nacional e conversar. O negócio poderia sair por um valor menor, mas volto a dizer, ele não forçará a sua saída, apesar do campeonato local estar desvalorizado – afirmou o empresário.

Matias confirmou que Lugano conversou com Coates para falar sobre o São Paulo.

- Durante a convocação da partida entre Costa Rica e Uruguai, os dois falaram bastante sobre o assunto. O Lugano falou bastante sobre o São Paulo, disse que o clube brasileiro seria uma ótima maneira dele crescer na carreira – ressaltou.

O empresário confirmou que vários clubes brasileiros mostraram interesse no seu cliente, que também está na mira da Lazio (ITA). No Brasil, além do São Paulo, o Cruzeiro e o Botafogo também estão analisando o jogador, que foi indicado pelo compatriota Loco Abreu.

- Recebi várias consultas, mas não seria ético dizer os nomes, até porque ainda não surgiu nenhuma proposta. Quando isso acontecer, serei o primeiro a conversar com a diretoria do Nacional – concluiu.

O São Paulo analisa o nome de Coates porque corre o risco de perder seus dois principais defensores no meio do próximo ano. Alex Silva, que está emprestado pelo Hamburgo (ALE), terá seu contrato encerrado no dia 30 de junho. No mesmo dia, acaba o vínculo de Miranda com o clube do Morumbi. O clube ainda tenta renovar o contrato do camisa 5, mas o jogador não aceitou a primeira proposta.

veja também