MENU

Muricy elogia Willians e vai esperar Euzébio até hora do jogo

Muricy elogia Willians e vai esperar Euzébio até hora do jogo

Atualizado: Terça-feira, 8 Fevereiro de 2011 as 2:22

De quase dispensado a titular na partida mais importante do ano. Essa foi a trajetória de Willians no começo de 2011. Pouco utilizado na temporada passada por sofrer seguidas lesões musculares, o atacante chegou a ter propostas de clubes da Série A, teve sua saída das Laranjeiras cogitada nos bastidores, mas permaneceu e convenceu Muricy Ramalho que pode ser importante.

A maior prova disso é que formará, ao lado de Rafael Moura, o ataque titular na partida contra o Argentinos Juniors, quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Engenhão, pela primeira rodada do Grupo 3 da Libertadores. Sincero, Muricy Ramalho admitiu que o jogador por pouco não foi descartado no início do ano. Entretanto, mudou o panorama durante a pré-temporada, em Mangaratiba.

- Ele é um jogador que até poderia ser dispensado no fim de 2010. No futebol, é como qualquer empresa. Há o custo-benefício. E o dele foi baixo no ano passado, estava muito tempo parado e jogador é importante no dia a dia em campo. Mas não podemos desistir das pessoas. Levei todo mundo para pré-temporada, o Willians sabe como eu penso, tem que me convencer dentro de campo. E isso aconteceu. É um jogador rápido, que voltou bem no início do ano.     E se Willians tem escalação garantida contra os argentinos, Leandro Euzébio ainda é dúvida. O zagueiro ficou fora do treino desta terça, nas Laranjeiras, para fazer tratamento intensivo de fisioterapia no tornozelo esquerdo. Ainda assim, as chances de jogar são pequenas.

- O Euzébio está concentrado porque os médicos preferiram que ele não se movimentasse de um lado para o outro. O fisioterapeuta está com ele quase 24 horas. O médico assinalou com uma pequena chance. Então, vamos esperar.

Sem Leandro Euzébio, André Luis treinou ao lado de Gum na defesa tricolor. A tendência é que a equipe encare o Argentinos Juniors com Diego Cavalieri, Mariano, Gum, André Luis e Carlinhos; Edinho, Diguinho, Souza e Conca; Willians e Rafael Moura.      

veja também