MENU

Na estreia de Obina, Muriqui marca no final e evita derrota do Atlético

Na estreia de Obina, Muriqui marca no final e evita derrota do Atlético

Atualizado: Segunda-feira, 8 Fevereiro de 2010 as 12

Na estreia de Obina, o Atlético-MG escapou da derrota com um gol de Muriqui no final da partida, mas desperdiçou a chance de assumir a liderança do Campeonato Mineiro. O empate com o Ipatinga por 1 a 1, neste domingo, no Mineirão, frustrou a torcida atleticana, que compareceu em bom número (quase 30 mil pagantes) e deixou a equipe em quinto lugar na competição.

O Atlético precisava de uma vitória por qualquer placar para chegar a sete pontos, os mesmos do líder Democrata-GV, e assumir o primeiro lugar pelo saldo de gols. Com o empate, o time alvinegro foi a cinco pontos e permaneceu em quinto lugar na tabela.Em três rodadas, foram dois empates e a vitória sobre o Tupi, por 3 a 2.

Depois de vencer o Cruzeiro, que usou time misto, por 3 a 0, na semana passada, o Ipatinga esteve perto de derrotar outro grande da capital, mas cedeu o empate no final. O time do Vale do Aço foi a quatro pontos e terminou a rodada na sexta posição.

Além de Obina, o volante Zé Luís, ex-São Paulo, estreou com a camisa do Atlético. O técnico Vanderlei Luxemburgo sacou Correa do time titular, e Jonílson ficou fora da relação de banco. O esquema com três atacantes não funcionou e o time parou na marcação do Ipatinga.

Assista aos gols:

O Atlético demorou para se encaixar no primeiro tempo e encontrou dificuldade para chegar ao gol adversário. Somente no final da primeira etapa, o time alvinegro conseguiu chegar com mais perigo. Aos 45min, Coelho cobrou escanteio da esquerda e Fabiano cabeceou no travessão. No entanto, o goleiro Douglas não fez sequer uma defesa.

O Ipatinga aproveitou a dificuldade do Atlético e chegou nos contra-ataques. Porém, o goleiro Carini, assim como Douglas, quase não trabalhou no primeiro tempo. O time do Vale do Aço arriscou chutes de fora da área, mas não conseguiu surpreender o arqueiro uruguaio.

O forte calor no Mineirão deu um susto na torcida atleticana. O atacante Tardelli sentiu falta de ar e precisou deixar o campo para ser atendido. “Ele sentiu falta de ar por causa do calor”, disse o médico Marcus Vinícius dos Santos, em entrevista à Rádio Itatiaia.

No início do segundo tempo, o Ipatinga surpreendeu o Atlético e abriu o placar aos 5min. O atacante Jajá chutou de fora da área no meio do gol. O goleiro Carini falhou e a bola passou entre suas pernas.

Luxemburgo decidiu mudar a equipe e fez três alterações ao mesmo tempo. Entraram Marques, Renan Oliveira e Carlos Alberto e deixaram o campo Obina, Ricardinho e Fabiano.

As mudanças não surtiram o efeito esperado. O Ipatinga criou mais oportunidades para ampliar. No final da partida, Muriqui marcou de cabeça e empatou a partida para o Atlético.

O Atlético volta a jogar pelo Mineiro no sábado de Carnaval, dia 13, contra o Uberaba, às 19h30, no estádio Uberabão, no Triângulo Mineiro. O Ipatinga enfrenta o Uberlândia na sexta-feira 12 no Mineirão. Como o Ipatingão não está liberado, o time do Vale do Aço optou por jogar em Belo Horizonte.

veja também