MENU

Na F-1, pneus serão coloridos para ajudar torcedores

Na F-1, pneus serão coloridos para ajudar torcedores

Atualizado: Sábado, 19 Março de 2011 as 11:45

A partir deste ano, qualquer torcedor poderá identificar qual dos seis tipos de pneu cada piloto está usando durante a temporada da F-1.

A Pirelli, que substitui a Bridgestone no Mundial que começa no final de semana que vem, com o GP da Austrália, em Melbourne, anunciou ontem que agora cada tipo de composto será identificado por uma cor diferente.

Esta identificação vai aparecer no logo da fornecedora italiana, que fica localizado na parte lateral dos pneus.

Segundo a Pirelli, as cores escolhidas para cada pneu "refletem a personalidade de cada um, fazendo com que os torcedores identifiquem instantaneamente que tipo de composto está sendo usado".

Divulgação  

Da esquerda para direita: o pneu para pista molhada, o intermediário, o supermacio, o macio, o médio e o duro

Pela distribuição, o pneu para pista molhada será laranja, o intermediário, azul claro, o supermacio vai ser vermelho, o macio, amarelo, o médio terá o logo em branco, e o duro será prateado.

"Acreditamos que isso fará com que o público tanto em casa como na pista consiga diferenciar rapidamente os compostos, já que esse será um conhecimento vital para se entender as estratégias de corrida nesta temporada", afirmou Paul Hembery, diretor da empresa italiana.

Pelo regulamento da categoria, dois dos quatro tipos de compostos para pista seca têm de ser usados a cada final de semana e durante a corrida -ainda há o para chuva, que só é usado em condições extremas, e o intermediário, para quando o asfalto está molhado.

Nas três primeiras etapas deste ano, na Austrália, na Malásia e na China, os compostos colocados à disposição serão duros e macios.

O primeiro deles é o mais resistente de toda a gama, enquanto o segundo proporciona mais velocidade, mas ao mesmo tempo se decompõe com mais facilidade.

Assim como já acontecia no ano passado com a Bridgestone, a Pirelli não irá ceder compostos "consecutivos" em uma mesma prova, como supermacio e macio, por exemplo. A ideia é que eles tenham rendimentos bem diferentes para poder dar mais emoção às corridas.

veja também