MENU

Na noite dos Wallaces, Sesi bate o Minas, e Cruzeiro vence o Pinheiros

Na noite dos Wallaces, Sesi bate o Minas, e Cruzeiro vence o Pinheiros

Atualizado: Quinta-feira, 3 Fevereiro de 2011 as 9:21

Foi a quarta-feira dos Wallaces na Superliga masculina. Nas vitórias de Sesi e Cruzeiro, foram os opostos homônimos que comandaram seus ataques. Em Belo Horizonte, o Wallace do Sesi ajudou a equipe a bater o Minas por 3 sets a 1, de virada, com parciais de 20/25, 25/16, 28/26 e 25/21. Em Itabira, o cruzeirense liderou seu time no triunfo também por 3 a 1 (25/22, 23/25, 25/16 e 25/19) sobre o visitante Pinheiros.

Pelo Sesi, Wallace marcou 22 pontos, liderou o ataque e foi escolhido como o melhor da partida. Sidão contribuiu com 18 pontos, sete deles no bloqueio e outros três no saque. Pelo Minas, os campeões mundiais André Nascimento e Henrique não conseguiram se destacar. O maior pontuador foi o ponteiro Diogo, com 16.

- Tivemos bem em dois sets, mas as oscilações voltaram a nos atrapalhar. Esperava mais poder de reação do grupo, mas nós mesmos colocamos muita pressão em cima do time e isso não ajudou em nada. Esperava a equipe mais solta, mesmo diante do líder da Superliga, que teve méritos sim nesta conquista – lamentou o técnico do Minas, Marcelo Fronckowiak.

Ainda sem Giba, com o tornozelo direito machucado, e também desfalcado do oposto Léo, com dor no joelho, o Pinheiros não resistiu ao Cruzeiro, apesar do esforço do oposto Tuba, com 18 pontos. Wallace entrou em cena e, com 23 pontos, comandou o ataque. O central Renato Felizardo foi eleito o melhor da partida.

- Estava jogando um pouco menos, mas tive a oportunidade de entrar e jogar bem. Nosso time está muito bem servido nas posições. Quando um jogador não pode o outro entra e ajuda. Isso é uma das coisas que tornam o grupo forte - afirmou Ricardo.

veja também