MENU

Ney brinca e diz que Neymar, Lucas e Coutinho podem ser o 'Messi' do time

Ney brinca e diz que Neymar, Lucas e Coutinho podem ser o 'Messi' do time

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 8:55

O técnico Ney Franco fez questão de tirar todo o peso de decidir os jogos para a Seleção Brasileira sub-20 das costas do atacante Neymar, do Santos. Na opinião do treinador, além do camisa 11 do Peixe, o time canarinho tem outros atletas que podem fazer a diferença durante o Sul-Americano da categoria, em janeiro, no Peru. Com muito bom humor, ele brincou ao comparar alguns de seus comandados a Lionel Messi, do Barcelona.

- Não quero falar que o Neymar é o principal jogador da equipe porque futebol é conjunto. Ele precisa se unir ao grupo com o seu talento para que o conjunto possa conseguir os resultados positivos. Assim como o Coutinho e o Lucas, o Neymar pode ser o nosso Messi - brincou o treinador, logo após a sua palestra no Footecon, no Copacabana Palace, Zona Sul do Rio de Janeiro.

Durante a palestra no evento da última terça-feira, Ney Franco usou o exemplo do Coritiba para um trabalho de sucesso nas categorias de base. De acordo com os números apresentados pelo treinador, o Coxa tinha apenas seis jogadores criados no clube no fim de 2009. Em 2010, o número passou para 13.

- Esses atletas foram fundamentais na nossa campanha em 2010, principalmente no primeiro semestre do Coritiba - lembrou o treinador, mostrando que o clube fez apenas cinco contratações para a disputa do Campeonato Paranense.

Para Ney, o fato de ter sido convidado pela CBF para comandar as categorias de base da Seleção já mostra o interesse da entidade em melhorar ainda mais o processo de renovação do time canarinho. O objetivo é chegar forte para a Copa de 2014 e para os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, e 2016, no Brasil.

- A justificativa da minha contratação foi para mostrar a importância que a CBF está dando para as seleções de base. Ela tirou um profissional que estava no mercado da Série A para comandar um projeto. Esse é um sinal de que a base precisava de uma mudança - analisou Ney.

Por: Márcio Iannacca

veja também