MENU

Neymar, Ganso e seus 'parças' a um passo da glória: o tri

Neymar, Ganso e seus 'parças' a um passo da glória: o tri

Atualizado: Quarta-feira, 22 Junho de 2011 as 9:49

                                    Quarta-feira, 22 de junho de 2011. Essa data pode entrar para a história e se transformar no dia em que o Santos consolidou a sua mais vitoriosa geração de jogadores desde a Era Pelé. A partir das 21h50m (horário de Brasília), o Peixe enfrenta o Peñarol, no Pacaembu, em busca de sua terceira Taça Libertadores, um título que fará a irreverente turma de Neymar e Ganso ficar imortalizada na já rica história ao Alvinegro Praiano, superando a equipe de Robinho e Diego, bicampeã brasileira, em 2002 e 2004, mas que não conseguiu o título continental: ficou com o vice-campeonato em 2003, perdendo a decisão para o Boca Juniors.

Nunca, desde 63, quando conquistou o bicampeonato, o Santos esteve tão perto de conquistar a América novamente. Em 2003, levou logo um 2 a 0 no jogo de ida, em Buenos Aires, e não conseguiu virar sobre o Boca no Morumbi: perdeu também na volta, por 3 a 1. A situação agora é diferente. No primeiro confronto contra o Peñarol, quarta-feira passada, no estádio Centenário, em Montevidéu, 0 a 0. Em caso de novo empate, prorrogação. Persistindo a igualdade, pênaltis. Na final, não há a regra do gol qualificado. Assim, o Peñarol não levará vantagem em caso de empate com abertura de placar.     Com duas taças da Libertadores na sala de trofeús, Santos tem espaço para a terceira, que pode ser conquistada nesta quarta-feira, no Pacaembu (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

    O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos esclusivos. A TV Globo, o SporTV e o SporTV HD transmitem ao vivo para todo o Brasil. O trio de arbitragem será argentino. Sergio Pezzotta apitará a partida, auxiliado por Ricardo Casas e Hernán Maidana.        

veja também