MENU

Pachuca e Mazembe se enfrentam de olho na semifinal com Internacional

Pachuca e Mazembe se enfrentam de olho na semifinal com Internacional

Atualizado: Sexta-feira, 10 Dezembro de 2010 as 8:28

Nesta sexta-feira, o Internacional conhecerá seu adversário na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa. Pachuca, do México, e Mazembe, da República Democrática do Congo, se enfrentam pelas quartas de final, no estádio Mohammed bin Zayed, em Abu Dhabi. O vencedor enfrentará o time brasileiro, na próxima terça, valendo vaga na final.   A delegação colorada estará no local da partida para acompanhar as duas equipes.

O time mexicano já teve duas chances de participar do torneio, mas decepcionou em ambas as oportunidades. Em 2007, a equipe ficou na sexta colocação, enquanto em 2008 os mexicanos acabaram em quarto lugar. O técnico do Pablo Marini aposta na força ofensiva para mudar este histórico negativo.

- Temos um ótimo grupo de atacantes. Além de Cvitanich e Arizala, contamos com o Edgar Benítez, que jogou a Copa do Mundo com o Paraguai, e o Hérculez Gómez, que defendeu os EUA. Dos quatro, três jogarão - afirmou Marini em entrevista ao site oficial da Fifa.

Para o treinador da equipe mexicana, a força ofensiva deve ser aproveitada.

- Não é porque estamos acostumados a ser ofensivos que vamos sempre ganhar. Precisamos ficar atentos com a defesa e com o meio, para que a bola chegue aos atacantes. Fundamental também é a posse de bola, algo que temos trabalhado bastante e que pode fazer a diferença - disse o treinador.

Contando com atletas fortes e velozes, o Mazembe jogará no contra-ataque para tentar surpreender o adversário, principalmente com jogadas pelas laterais. O camisa 13 Bedi é o mais habilidoso dos volantes e ajuda o meia Kasongo na armação das jogadas. No entanto, o time trabalha pouco com a bola no meio de campo. Mas o jogador que o Pachuca precisa ficar ligado é com o meia Kabangu. O camisa 11 tem drible fácil e chute preciso de fora da área.

veja também