MENU

Palmeiras mira 'classificação rápida' contra o empolgado Comercial-PI

Palmeiras mira 'classificação rápida' contra o empolgado Comercial-PI

Atualizado: Quarta-feira, 2 Março de 2011 as 9:44

O Palmeiras quer jogar bem e evitar qualquer tipo de surpresa nesta quarta-feira. Com um time mais ofensivo que o de costume, pelo menos nas prévias do técnico Luiz Felipe Scolari, o Verdão pega o Comercial-PI nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), no Pacaembu, tentando resolver logo o jogo para poder poupar seus principais jogadores no segundo tempo. Casos de Valdivia e Kleber, por exemplo. O time piauiense chega a São Paulo cheio de entusiasmo, acreditando em uma classificação fora de casa.

O primeiro jogo, em Teresina, acabou 2 a 1 a favor do Verdão. Qualquer empate ou uma derrota por 1 a 0 favorecem os comandados de Felipão. O Comercial se classifica caso vença por dois ou mais gols de diferença, ou por um gol de diferença a partir de 3 a 2. 2 a 1 para os piauienses leva a decisão para os pênaltis.

O Comercial, já satisfeito com a viagem a São Paulo, deve se armar na defesa para tentar surpreender nos contra-ataques. O time, com folha salarial de R$ 40 mil, praticamente garantiu seu semestre com a renda arrecadada no Albertão, semana passada: pouco mais de R$ 250 mil.

O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partida em tempo real a partir das 21h50m. A TV Globo transmite ao vivo para os estados de SP (exceto Santos) e PI, além das cidades mineiras de Uberlândia, Ituiutaba e Araxá. A arbitragem fica por conta de Marcio Chagas da Silva (RS), auxiliado pelos também gaúchos Marcelo Bertanha Barison e Tatiana Jacques de Freitas.

Palmeiras: .o Verdão busca uma classificação tranquila para não se indispor com sua torcida. Favorito no duelo, o time espera fazer gols e dar mais confiança ao ataque, ainda em formação por conta da falta de um centroavante.

Comercial-PI: a classificação à segunda fase entraria para a história do futebol piauiense. Sabendo das dificuldades, o time espera ao menos fazer um bom papel e revelar algum bom jogador para o Brasil. Ninguém vem a São Paulo pensando em derrota.

Palmeiras: o atacante Adriano Michael Jackson" ganhará uma vaga na equipe titular e deve fazer um trio ofensivo com Luan e Kleber. Felipão ainda não definiu quem sai, mas Tinga é o favorito. Marcos Assunção, Thiago Heleno e Luan, poupados no jogo de ida, estão de volta. O time: Deola, Cicinho, Danilo, Thiago Heleno e Gabriel Silva; Márcio Araújo, Marcos Assunção e Valdivia; Luan, Kleber e Adriano.

Comercial-PI: o técnico Aníbal Lemos deve manter a equipe do primeiro jogo, que fez bom papel e buscou um gol quando já perdia por 2 a 0 e era eliminado. O time deve ser formado por Neto, Barata, Alisson, Rafael e Tiaguinho; Ivanzinho, Henrique, Evandro e Isael; Tony e Zé Rodrigues.

Palmeiras: Adriano Michael Jackson ganha uma chance e promete manter a boa sequência de gols. Foram dois nos últimos dois jogos, contra o próprio Comercial e o São Paulo. Se fizer mais um, a dancinha está garantida. Até Felipão já prometeu entrar na brincadeira.

Comercial-PI: Rafael, autor do gol no jogo de ida, é um zagueiro vigoroso e de boa presença nas bolas aéreas. Bastante alto, pode chamar a atenção da marcação em jogadas de bola parada..

Luiz Felipe Scolari, técnico do Palmeiras: "Corremos risco, sim. Muitas vezes a equipe que tem a supremacia, o melhor grupo, pode sofrer um gol fortuito e daí não dominar mais os nervos, há uma série de detalhes. Temos de ter respeito com o Comercial ".

Aníbal Lemos, técnico do Comercial-PI: "Não vamos pensando em derrota, queremos chegar em São Paulo e tentar a classificação. O Palmeiras é uma equipe excelente, mas já provamos que temos condições de dificultar.

* O Palmeiras ampliou sua vantagem em estreias na Copa do Brasil. Com a vitória por 2 a 1 na semana passada, em Teresina, sobre o Comercial, o time tem 12 vitórias, dois empates e só uma derrota em 14 estreias. O revés foi contra o ASA de Arapiraca: 1 a 0.

* Novato no campeonato, o Comercial-PI esperou 55 anos para conseguir um título na sua história: foi campeão do estadual em 2010.

* O Verdão tenta evitar a repetição de outras temporadas, quando era favorito e caiu diante de equipes menores. Os casos mais famosos são contra o Ceará, em 1994, ASA, em 2002, Santo André, em 2004, e Ipatinga, em 2007. A eliminação de 2003, contra o Vitória, também é lembrada negativamente: o time foi derrotado por 7 a 2 dentro do Palestra Itália.

    Em 23 de fevereiro, Comercial e Palmeiras se enfrentaram pela primeira vez na história, em Teresina. Jogando no Albertão, o Alviverde tomou o controle das ações e abriu o placar com Adriano, no primeiro tempo. O atacante comemorou com seriedade, sem dancinha. No minuto inicial da segunda etapa, Kleber ampliou e deu o resultado que classificava o Palmeiras sem precisar do jogo de volta. No fim, porém, Rafael desferiu uma cabeçada certeira após cobrança de escanteio e diminuiu. O 2 a 1 forçou o jogo de volta no Pacaembu.    

veja também