MENU

Para despachar o Santa Cruz, Tricolor usa a história para ganhar motivação

Para despachar o Santa Cruz, Tricolor usa a história para ganhar motivação

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2011 as 2:37

Após perder por 1 a 0 no Recife, na última quarta-feira, o São Paulo decidirá sua vida na Copa do Brasil na próxima quarta-feira, na partida contra o Santa Cruz, que será realizada a partir das 21h50m, na Arena Barueri. E, se a história servir como motivação, o time comandado por Paulo César Carpegiani tem tudo para garantir vaga nas oitavas de final da competição, onde enfrentaria o Goiás, que despachou a Ponte Preta.

Até agora, a equipe do Morumbi disputou a Copa do Brasil por 12 vezes. Nessas participações, o Tricolor perdeu quatro vezes o jogo de ida. Em todas, o time conseguiu reverter a desvantagem no duelo de volta. E, curiosamente, todas as viradas ocorreram diante do seu torcedor, o que também acontecerá no meio desta semana, contra o Tricolor pernambucano.     Uma curiosidade ilustra as viradas do Tricolor. Em 2003, o São Paulo enfrentou o São Raimundo e, no duelo de ida, em Manaus, perdeu por 2 a 0. Na volta, uma goleada por 6 a 0 garantiu a classificação da equipe paulista, que teve no atacante Luis Fabiano o seu grande herói naquela partida, ao marcar cinco gols. O lateral-esquerdo Fabiano completou o marcador. Oito anos depois, o camisa 9, que acabou de ser recontratado, espera que seus companheiros garantam a classificação às oitavas de final para que ele tenha condições de reestrear no torneio nacional. Vale lembrar que, caso o Tricolor seja eliminado, o atacante só poderá jogar no dia 25 de maio, na abertura do Campeonato Brasileiro, contra o Fluminense, já que não está inscrito no Paulistão.   Apesar da situação difícil, otimismo não falta. Jogadores e comissão técnica acreditam que, se o time mostrar o futebol que está acostumado, tem tudo para conquistar a vaga e a classificação. A ordem é entrar em campo e encurralar o adversário.

- Temos de jogar com o máximo de seriedade, marcar pressão durante os 90 minutos e não deixar o adversário jogar. Temos que ir para cima deles. É o jogo do ano para todos aqui do São Paulo, não podemos deixar a classificação escapar – alertou o volante Casemiro, que deve ser mantido na equipe titular para a decisão.      

veja também