MENU

Para impedir supremacia da RBR, FIA limita mapeamento dos motores

Para impedir supremacia da RBR, FIA limita mapeamento dos motores

Atualizado: Terça-feira, 21 Junho de 2011 as 9:44

O banimento do fluxo de gases do escapamento para o difusor quando o piloto não estiver acelerando a partir do GP da Inglaterra não será a única ação da FIA em relação ao mapeamento de motores. De acordo com o site da “Autosport”, a entidade planeja erradicar configurações especiais a partir do GP da Europa, no fim de semana. Em uma nota distribuída às equipes, o diretor técnico da Fórmula 1, Charlie Whiting, afirmou que as equipes não poderão mudar o mapeamento dos motores entre o treino classificatório e a corrida. A ideia é impedir a supremacia da RBR na temporada.    

Vettel no GP da Espanha: FIA tenta impedir supremacia da RBR (Foto: agência Reuters)

  Segundo a publicação, a FIA está determinada a proibir que times usem qualquer forma de “motor inteligente” para melhorar o desempenho aerodinâmico de seus carros. A norma vai fazer com que as equipes não possam preparar uma configuração para o treino classificatório, como queimar mais gasolina para tornar o carro mais veloz, e depois reverter para um modo mais seguro para o GP. Há a teoria de que a RBR, que dominou os treinos classificatórios até aqui, tem feito isso durante os treinos, para buscar sua melhor performance em apenas uma volta.

A nova diretriz da FIA significa que qualquer mapeamento usado para o treino classificatório deverá ser mantido para o começo da corrida. A única possibilidade de mudança seria durante o primeiro pitstop, quando um computador teoricamente poderia ser plugado ao carro. Como as paradas são cada vez mais rápidas, as equipes dificilmente fariam uso da permissão.          

veja também