MENU

Para Ronaldo, Neymar tem que sair do Brasil para "conquistar o mundo"

Para Ronaldo, Neymar tem que sair do Brasil para "conquistar o mundo"

Atualizado: Quarta-feira, 7 Março de 2012 as 7:07

iG São Paulo

De acordo com o ex-atacante, o jovem santista só poderá ultrapassar Messi quando for atuar no futebol da Europa. Você concorda?

Empresa de Ronaldo gerencia a imagem do atacante Neymar

Foto: Twitter/Reprodução

Quando Rivaldo estava no São Paulo, o camisa 10 tricolor declarou que Neymar e Ganso deveriam sair do Brasil o quanto antes para atuar na Europa. Na época, as palavras do veterano atleta causaram bastante polêmica. Agora foi a vez de Ronaldo, ex-atacante do Corinthians, ter a mesma opinião. De acordo com o "Fenômeno", Neymar não tem mais o que mostrar no país e defende sua ida para o exterior.

Acesse a ficha técnica do atacante Neymar no iG Esporte

"A margem que ele (Neymar) tem para melhorar dentro do Brasil é pequena. Os objetivos aqui ele já alcançou ganhando Copa do Brasil, Libertadores, Paulista. É claro que existe o discurso patriota de que a gente quer ver o Neymar jogando aqui perto. Mas a minha decisão seria ir jogar na Europa. A ambição dele deveria ser de conquistar o mundo", disse Ronaldo em entrevista à "TV Bandeirantes".

E MAIS: Ronaldo diz que Corinthians está pronto para ganhar a Libertadores

A empresa de Ronaldo, a 9ine, gerencia a imagem de Neymar. Mas só isso. O ex-atleta avisou que quem toma qualquer tipo de decisão é o próprio santista e o clube da Vila Belmiro. "A gente tem uma gestão da imagem dele, mas compartilhada com o Santos, o que dificulta um pouco na adminsitração. Obviamente as decisões do futuro dele quem toma é ele e o pai", comentou.

Para Ronaldo, Messi, atualmente, ainda é melhor que Neymar. O brasileiro só ultrapassaria o argentino no posto de melhor do mundo se fasse para Europa, como insistiu Ronaldo. "É indiscutível que o Messi está num nivel bem superior ao do Neymar. Mas o Neymar é nosso maior talento, quando ele for para a Europa pode ter esse reinado", finalizou.


Continue lendo...

veja também