MENU

Peixe decora o Barcelona e descarta surpresas em uma eventual final

Peixe decora o Barcelona e descarta surpresas em uma eventual final

Atualizado: Sexta-feira, 2 Dezembro de 2011 as 2:17

Edu Dracena diz estar atento ao Barcelona

(Foto: Ricardo Saibun/Divulgação Santos FC) Para ter o direito de disputar a final do Mundial de Clubes da Fifa, no dia 18 de dezembro, em Yokohama, no Japão, provavelmente contra o Barcelona, o Santos precisa passar pela semifinal. Os jogadores santistas sabem disso. No entanto, não há como fugir do assunto principal, que é a possibilidade de enfrentar o time catalão, considerado o melhor do mundo.

O capitão santista, Edu Dracena, garante que se isso vier a acontecer, o Peixe estará muito bem preparado. Os jogadores estudam a equipe de Pepe Guardiola desde o momento em que começaram a disputar a Taça Libertadores, em fevereiro.

Dracena admite que vencer o Barça é missão dificílima. No entanto, garante que ele e seus companheiros não terão nenhuma supresa eventual final. Todos conhecem o clube espanhol de cabo a rabo.

– Desde que a Libertadores começou, nós já sabíamos que poderíamos enfrentar o Barcelona. Estamos vendo os caras direto e, por isso, acredito que não vamos ter nenhuma surpresa. O Muricy (Ramalho, técnico) tem visto todos os aspectos e vai nos passar ainda mais detalhes – afirma.

O capitão, porém, alerta para os perigos da semifinal. O Peixe enfrentará o vencedor do confronto entre Monterrey, do México, e quem sair do confronto entre o campeão japonês e o Auckland City, da Nova Zelândia.

– Todos são campeões de seus continentes e chegam ao Mundial porque têm méritos. Quem vier será difícil. Mas estou bem confiante nesse time do Santos. Temos condições de fazer um grande trabalho, tenho certeza.        

veja também