MENU

Peixe: 'Derrota no clássico não abalou', diz Dorival

Peixe: 'Derrota no clássico não abalou', diz Dorival

Atualizado: Terça-feira, 16 Março de 2010 as 12

Após perder para o Palmeiras, no último domingo, na Vila Belmiro, por 4 a 3, e ver acabar uma invencibilidade que já durava 12 partidas, o Santos embarcou nesta terça-feira pela manhã para Belém (PA), onde, na quinta, às 21h (horário de Brasília), enfrenta o Remo-PA, pela Copa do Brasil. Os santistas garantem que a derrota no clássico não causou grandes abalos e que a equipe vai manter o seu ritmo. O Peixe avançou à segunda fase da competição nacional vencendo o Naviraiense-MS duas vezes. No primeiro jogo, em Campo Grande (MS), 1 a 0. Na volta, em Santos, atropelou: 10 a 0.

- Continua tudo normal. A derrota não abalou ninguém. Os jogadores estão tranquilos. Até porque fizemos um bom jogo contra o Palmeiras - afirmou o técnico Dorival Júnior.

O zagueiro Edu Dracena também não vê motivo para desânimo. Ele diz que todos os santistas sabiam que, mais cedo ou mais tarde, a equipe seria derrotada.

- Uma hora iria acontecer e todos sabiam disso. Por isso, espero que essa derrota não influencie no nosso desempenho contra o Remo. Tudo o que acontece, seja bom ou ruim, serve de aprendizado - afirma.

Sobre o jogo em Belém, Dorival espera dureza. Ele diz que já andou estudando o Remo e alerta: o Peixe enfrentará dificuldades.

- É uma equipe forte, com um meio de campo marcador. Eles perderam o clássico para o Paysandu (domingo passado, pelo Campeonato Paraense) e vão querer se recuperar. Será um jogo complicado.

Por: Adilson Barros

veja também