MENU

Perto do retorno, Pierre supera dramas para voltar aos gramados

Perto do retorno, Pierre supera dramas para voltar aos gramados

Atualizado: Sábado, 19 Março de 2011 as 9:18

Um dos principais ídolos da torcida palmeirense está perto de retornar aos gramados. Praticamente recuperado de uma fascite plantar no pé direito, o volante Pierre vai voltar a correr em campo na segunda-feira e deve estar pronto para jogar em um mês. Uma vitória e tanto para ele, que vem sofrendo com o problema desde o meio do ano passado. O tratamento clínico não resolveu e Pierre teve de passar por cirurgia em janeiro. O alívio está estampado no rosto do jogador, que conviveu com dores quase insuportáveis nos últimos oito meses.

- Era uma dor muito grande. Passei oito meses convivendo com ela. Eram muitas infiltrações, injeções, e às vezes eu acordava e não conseguia pisar com o pé no chão. Foi por causa disso que meu rendimento caiu e acabei perdendo espaço. Chegou uma hora que não deu e eu tive de fazer a cirurgia. Foi um misto de alívio com tristeza – diz o volante.

Bastante identificado com o Palmeiras, Pierre é um dos mais antigos de casa (veja trajetória na linha do tempo abaixo). Mesmo há tanto tempo parado, ele não é esquecido pela torcida e recebeu mensagens de apoio desde que parou para se recuperar. Animado com a proximidade do retorno, o volante mostra que está disposto a ajudar o clube.

- Quero jogar logo, a ansiedade é muito grande. Foram meses muito difíceis, mas encontrei muito apoio e agora só penso na volta – disse.

O técnico Luiz Felipe Scolari reconhece a importância de Pierre no grupo. Apesar de não ter sido tão utilizado desde a chegada de Felipão, em julho do ano passado, o volante tem moral com o chefe por conta de sua história no clube e dedicação com a camisa do Palmeiras. Já são 198 jogos e um apelido: Guerreiro, por conta de sua raça em campo.

- O Pierre já está voltando e provavelmente estará à disposição dentro de um mês. É mais um jogador de meio de campo que teremos integrado ao nosso grupo. Ele tem um retrospecto muito bom no Palmeiras – ressaltou Felipão.

Quando retornar, Pierre terá de enfrentar grande concorrência em seu setor, que conta hoje com quatro jogadores frequentemente utilizados: os titulares Márcio Araújo e Marcos Assunção, e os reservas Chico e João Vitor. Sem contar Rivaldo e Tinga, volantes de origem, mas que exercem outras funções no time.

veja também