MENU

Phelps vence 200m borboleta e torce na reta final: 'Por favor, não desabe'

Phelps vence 200m borboleta e torce na reta final: 'Por favor, não desabe'

Atualizado: Quinta-feira, 19 Agosto de 2010 as 9:31

Assim que bateu em primeiro, ele tirou a touca de forma brusca e deu três bufadas. Não era nem de longe o melhor Michael Phelps. Mas estava no lugar de – quase – sempre: o mais alto do pódio. O americano não chegou a brilhar na noite de quarta-feira, mas ainda assim sobrou na final dos 200m borboleta e embolsou sua primeira medalha de ouro no Pan-Pacífico, em Irvine, nos Estados Unidos. Exausto e insatisfeito com seu rendimento, o máximo que se permitiu foi um sorriso de canto de boca quando os rivais vieram cumprimentá-lo - Estava doendo. Nos últimos 15 metros, eu estava pensando: "Por favor, chegue logo à parede". Senti espirrar água na raia ao lado e pedi a mim mesmo: "Por favor não desabe, por favor não desabe" - admitiu o campeão olímpico, que fez 1m54s11 e cravou o melhor tempo da prova neste ano.

O brasileiro Kaio Márcio não conseguiu subir ao pódio. Ele chegou em quinto, com 1m55s66.

- Foi um tempo bom, bem superior ao das eliminatórias. Eu esperava nadar um pouco melhor, mas achei que valeu a pena. Fiz o meu melhor tempo deste ano. Então, estou feliz. Ficou faltando só a medalha – afirmou Kaio após sair da piscina.

O segundo colocado foi o australiano Nicholas D’Arcy, que fez 1m54s73. Era dele, aliás, a melhor marca de 2010 (1m54s61 no Campeonato da Austrália em março). O pódio foi completado por Takeshi Matsuda, que chegou em terceiro com 1m54s81.

Phelps não mostrou satisfação com seu rendimento. Ele ficou bem longe do seu recorde mundial (1m51s51), batido no Mundial de Roma em 2009, ainda com o supermaiô, hoje proibido. Nem do recorde do campeonato o americano conseguiu se aproximar: em agosto de 2006, ele nadou a prova em 1m53s80.

veja também