MENU

Pontos corridos ou mata-mata? No Timão as opiniões estão divididas

Pontos corridos ou mata-mata? No Timão as opiniões estão divididas

Atualizado: Quinta-feira, 2 Dezembro de 2010 as 8:22

Mata-mata ou pontos corridos? A polêmica voltou à tona nesta reta final de Campeonato Brasileiro. Especialmente depois que algumas equipes passaram a depender de rivais estaduais na briga pelo título da competição. No Corinthians, que precisava da ajuda de São Paulo e Palmeiras contra o Fluminense, a discussão divide opiniões.

O goleiro Julio Cesar, por exemplo, é um defensor do retorno da antiga fórmula, com oito classificados disputando quartas de final, semifinal e final. A última edição neste estilo foi em 2002, quando o Santos de Robinho venceu o Timão na decisão.

- A disputa por pontos corridos vai premiar o time mais regular do campeonato, mas pessoalmente eu gostaria que tivesse final. Acho mais emocionante e o torcedor e os jogadores preferem. Nesse caso você não depende de ninguém e não tem comentários de mala branca, de entrega... – opinou o camisa 1 da equipe alvinegra.

Já o zagueiro William é favorável aos pontos corridos. Para o capitão do Corinthians a fórmula anterior não era tão justa quanto a atual.

- Mudaram a fórmula justamente para privilegiar a equipe mais regular. Antigamente, um jogo mal feito tirava a melhor equipe do campeonato, como em 2002, quando o Santos classificou em oitavo (e eliminou o São Paulo, líder a maior parte do tempo). Claro que o Santos teve méritos, mas você privilegia quem não é regular – comentou o camisa 4.

De 2003 para cá, o Brasileirão sempre foi disputado no sistema de pontos corridos. O primeiro campeão foi o Cruzeiro, depois o Santos, o Corinthians, o São Paulo (três vezes) e o Flamengo. Neste ano, o título está entre Fluminense, Corinthians e Cruzeiro, respectivamente primeiro, segundo e terceiro colocados.

Por: Carlos Augusto Ferrari e Leandro Canônico

veja também